Por Gildo Júnior
Em 10/11/2017

EDITORIAL

Dois amigos que já viajaram a Noronha, já nadaram com golfinhos e fizeram lindas fotos em lindas praias e dizem que é com certeza um local criado cuidadosamente pelas mãos de Deus, com várias formações rochosas e águas cristalinas. Fernando de Noronha é um local desejado por muitos. Então, prepare-se, pois hoje nossa matéria vai até esse arquipélago que fica sobre os cuidados de Pernambuco desde 1988. Aproveite suas férias e se programe para curtir este roteiro de 3 dias. Conheça Roraima ao Extremo.

FICA A DICA

Nas caminhadas, trilhas e passeios é aconselhável usar um calçado adequado (sandálias com velcro ou tênis). Sempre usar roupas leves, protetor solar e chapéu. Levar água e um pouco de dinheiro também é bom.

Se for visitar algum lugar sem o acompanhamento de um guia, informe-se antes se o acesso àquele lugar é permitido. Especialmente dentro do Parque Marinho.

Conheça a Ilha de Noronha através do site www.ilhadenoronha.com.br ou a Noronha Tur, www.noronhatur.com.br para obter mais informações sobre saídas, trajeto e pacotes.


  FERNANDO DE NORONHA 

O Arquipélago de Fernando de Noronha é formado por vinte e uma ilhas, numa extensão de 26 km², tendo uma principal - a maior de todas também chamada "Fernando de Noronha" -, como única ilha habitada. As demais estão contidas na área do Parque Nacional Marinho e são desabitadas, só podendo ser visitadas com licença oficial do Ibama.

Noronha possui o fuso com uma hora a mais que a capital Brasília. Aportando no aeroporto deve-se pagar uma taxa ambiental, ao Governo Federal, cerca de R$68,74 por dia.

Atualmente são três voos diários que partem para ilha, dois saindo de Recife e um de Natal, não existem voos direto de outras cidades porque a Ilha de Fernando de Noronha não tem estrutura para reabastecimento das aeronaves seguirem para outros destinos. Se você tem a pretensão de conhecer o Arquipélago, você primeiro terá que pegar um voo da sua cidade até uma dessas duas capitais do Nordeste e depois embarcar para Noronha.

O QUE FAZER NA ILHA

Pode-se alugar bugues e motos por 24 horas, desde que se tenha documentação regular para dirigir. Esporadicamente a Polícia Militar faz blitz nas estradas para averiguar a situação dos veículos e a documentação dos condutores. Na maioria das vezes os veículos alugados não são entregues com combustível, onde o locatário deve se dirigir imediatamente ao posto para abastecer. Quem preferir pode alugar apenas até o pôr-do-sol, só que nesse caso o aluguel é feito com motorista e o combustível nesse caso já está incluso.

Caminhada Praia do Atalaia/Pedra Alta: É uma trilha curta. É um verdadeiro aquário natural, onde se pode mergulhar e curtir a variedade de fauna marinha. Segue até a Pedra Alta, de onde a vista é panorâmica e privilegiada.

Caminhada Histórica em Noronha: A caminhada começa na Vila de Nossa Senhora dos Remédios, vai até o Palácio São Miguel, ruínas de antigos presídios e Igreja de Nossa Senhora dos Remédios, passando por três belas praias.

Caminhada Praia da Conceição/Mirante dos Golfinhos: Trilha que se inicia na Praia do Cachorro, percorrendo as praias do Meio, Conceição e Boldró. Continuando pelas praias do Americano, do Bode e Cacimba do Padre, ótimas para surfar, segue-se por trilha até a Baía dos Porcos, lugar perfeito para mergulho livre. Continua-se por bela trilha até a enseada da praia do Sancho. No final, uma pequena trilha nos leva até o mirante dos Golfinhos.

Caminhada Mirante dos Golfinhos/Praia Cacimba do Padre: Por uma pequena trilha conseguimos chegar ao Mirante dos Golfinhos. Lá apreciamos os golfinhos em seu habitat natural. Seguindo por trilhas fáceis, chegamos à Baía dos Porcos, bela enseada com piscinas naturais nas pedras escuras. Lugar perfeito para mergulho livre.

Caminhada para a Praia do Leão/Caracas/Praia do Sueste: Passeio por trilhas de fácil acesso até a bela Praia do Leão, onde ocorre a desova das tartarugas marinhas. Segue-se até o mirante da Ponta das Caracas e, por fim, parada para mergulho livre na Baía do Sueste, onde poderemos ver muitas tartarugas marinhas.

QUANDO VISITAR A ILHA

Fernando de Noronha pode ser visitada durante o ano todo. Para quem quer mergulhar, setembro e outubro são os meses mais indicados, quando o mar de dentro fica mais calmo. Já para os surfistas, em janeiro as águas se agitam e levantam boas ondas. Em julho e de dezembro a fevereiro, o movimento na ilha é bem maior, faça a reserva com bastante antecedência.

 BORA VIAJAR? 


A agência de turismo de aventura, Clube Native, te leva para curtir um final de semana de muitas cachoeiras na Gran Sabana. Transporte saindo de Boa Vista, guias experientes, hospedagem e taxas nas cachoeiras! Tudo isso por R$160, mais informações, entrar em contato pelo fone/whats 95 98120-9459 ou no 98100-9710

INSTAGRAM RORAIMA

A foto selecionada da semana foi a do @vamos_desbravar, publicada no Instagram @roraimaaoextremo e obtida por meio da hashtag #roraima. Uma foto dessa equipe de aventura do Amazonas, curtindo a Serra do Tepequém de nosso Roraima. Quer que sua foto seja a próxima a estar aqui na coluna Roraima ao Extremo? Faça uma com o tema belezas naturais, turismo, esporte ou aventura em nossa região e, ao publicá-la no Instagram, adicione a hashtag #roraima. Assim, nossa equipe selecionará a melhor foto da semana. Quem sabe não será a sua a próxima a estar aqui!

 EU CURTO MUITO ISSO 

No dia 18 de novembro, a partir das 9h, ocorrerá a TRILHA DO FORRÓ ALEGRE, com concentração e saída da sede da prefeitura. Para mais informações ligue 99162-9656. Use sempre capacete e se beber não dirija!

Entre em contato com nossa equipe pelo e-mail roraimaextremo@gmail.com ou visite nossa Fan Page www.facebook.com/roraimaaoextremo, enviando-nos suas sugestões. Um grande abraço e até a semana que vem, com muito mais turismo e aventura aqui no seu Roraima ao Extremo.

Gildo Júnior
Desde: 2000-01-01
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Roraima ao Extremo
+ Ler mais artigos de Roraima ao Extremo