Política

TRE nega pedido de Jucá para cassar mandato de Mecias

Pleno do TRE-RR julgou improcedente a Ação de Impugnação de Mandato Eletivo contra o senador Mecias de Jesus

O Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR) julgou improcedente a Ação de Impugnação de Mandato Eletivo contra o senador Mecias de Jesus (Republicanos), eleito em 2018. A ação era proposta pelo ex-senador Romero Jucá (MDB) e suplentes.

No julgamento da ação que ocorreu na sessão remota desta segunda do TRE-RR, 22,o juiz relator Alexandre Magno votou pela improcedência da ação por suposto ato compra de votos e abuso de poder econômico, em razão da ausência de provas.

O desembargador Leonardo Cupello, o juiz federal Bruno Leal e os juízes Leonardo Cupello, Marlene Moreira, Rozane Ignácio e Graciete Sotto Mayor votaram com o relator pela improcedência. Com isso, o pleno do TRE-RR julgou, à unanimidade, improcedente a Ação de Impugnação de Mandato Eletivo ajuizada pelo ex-senador.

Mecias declara que medida era tentativa de ludibriar a Justiça

O senador Mecias de Jesus (Republicanos) comentou a decisão favorável do TRE-RR e relatou que a medida era “uma tentativa de ludibriar a Justiça”. “Continuo acreditando na Justiça do meu país e digo a todo povo de Roraima que vamos continuar firmes e confiantes, certos de que nós cumpriremos o nosso dever”, declarou.

Senador Mecias fala em vídeo sobre decisão favorável

Publicidade