BIÊNIO 2024/2025

Parlamento Amazônico tem três deputados de Roraima

Solenidade de posse aconteceu na Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (ALE-RO)

Seis parlamentares participaram da posse da Mesa Diretora. (Foto: reprodução/Ale-RR)
Seis parlamentares participaram da posse da Mesa Diretora. (Foto: reprodução/Ale-RR)

O Parlamento Amazônico terá três deputados de Roraima para o biênio 2024/2025. Os deputados Armando Neto (PL), Dr. Cláudio Cirurgião (União Brasil) e Lucas Souza (PL) foram empossados nesta quinta-feira (29) em solenidade de posse da Mesa Diretora no auditório Amizael Gomes da Silva, da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (ALE-RO).

O Parlamento Amazônico reúne parlamentares estaduais dos nove estados que compõem a Amazônia Legal: Amazonas, Acre, Amapá, Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Pará, Maranhão e Tocantins. Eles foram eleitos durante a 26ª Conferência Nacional da Unale (União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais), em Fortaleza, Ceará, em novembro do ano passado e assumiram respectivamente, os cargos de 2º secretário, conselheiro fiscal e secretário de Direitos Humanos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



“É uma responsabilidade grande e uma satisfação imensa assumir a segunda secretaria do Parlamento Amazônico, onde se discutem questões para melhorar a qualidade de vida de nós, amazônidas, que temos o direito, as condições necessárias, por tudo que contribuímos com este país e esta nação, de ter o mínimo de reconhecimento, carinho e atenção devida do Poder Público”, afirmou o deputado Armando Neto, que assumiu a segunda secretaria da Mesa Diretora.

Deputado Armando Neto assumiu como segundo secretário do Parlamento Amazônico (Foto: reprodução/Ale-RR)

Pautas da Região Amazônica

O secretário de Direitos Humanos do Parlamento Amazônico, deputado Lucas Souza (PL), disse que já existem muitas pautas na Região Amazônica que dependem do olhar dos direitos humanos. “Temos pautas muito importantes a serem tratadas, começando com a migração desenfreada, que é uma calamidade de direitos humanos que vivemos lá em Roraima, assim como no Pará existem as denúncias da Ilha de Marajó”, comentou.

Para o deputado Dr. Cláudio Cirurgião, conselheiro fiscal do Parlamento Amazônico, Roraima também sofre com outros assuntos. “A migração no Estado já vem de longa data e agora temos as queimadas, pautas que precisam de um reforço urgente do governo federal”, destacou.

Prestigiaram também a posse dos colegas os deputados Gabriel Picanço (Republicanos), Isamar Junior (PSC) e Rárisson (PRTB).

Nova composição do Parlamento Amazônico

Mesa diretora:

– presidente: Laerte Gomes (RO);

– vice-presidente: Jory Oeiras (AP);

– vice-presidente: Sinésio Campos (AM);

– vice-presidente: Wellington do Curso (MA);

– vice-presidente: Nilton Franco (TO);

– secretária Geral: Edna Auzier (AP);

– 1º secretário: Afonso Fernandes (AC);

– 2º secretário: Armando Neto (RR);

– 3º secretário: Dirceu Ten Caten (PA).

Secretarias Temáticas do Parlamento Amazônico:

– Secretaria de Relações Institucionais: Jean Mendonça (RO);

– Secretaria da Juventude: Thiago Abrahim (AM);

– Secretaria de Direitos Humanos: Lucas Souza (RR);

– Secretaria de Minas e Energia: João Luiz (AM);

– Secretaria da Mulher: Antônia Sales (AC);

– Secretaria de Agricultura e Terras: Marcelo Cruz (RO)

– Secretaria de Assuntos Ligados a Suframa: Wilker Barreto (AM);

– Secretaria de Segurança Pública: Delegado Lucas (RO);

– Secretaria de Relações Internacionais: Adjuto Afonso (AM).

Conselho fiscal:

– presidente: Ismael Crispin (RO);

– conselheiro: Cláudio Cirurgião (RR).

Coordenador-geral e tesoureiro:

Adm. Flávio Ricardo Castro (AM).