BOA VISTA

Militar e autônomo são presos após não pagarem por TV e ameaçarem vendedora por cobrança

Jovens foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil

Sede do 5º Distrito Policial, onde fica a Central de Flagrantes da Polícia Civil
Sede do 5º Distrito Policial, onde fica a Central de Flagrantes da Polícia Civil (Foto: Marília Mesquita/FolhaBV)
Publicidade
Publicidade

A Polícia Militar prendeu nesta sexta-feira (30), no bairro Santa Luzia, um militar de 23 anos e um autônomo de 25 anos. Uma atendente de 22 anos acusou a dupla de golpe por não ter recebido o dinheiro pela venda de uma televisão de 50 polegadas e de ameaçá-la por cobrar o pagamento.

A vítima acionou a PM às 23h45 de quinta-feira (29), explicou que anunciou o equipamento em um aplicativo de compra e venda, e fechou o negócio com uma mulher. Entretanto, foram os suspeitos que buscaram a TV na casa dela e colocaram o objeto no veículo Fiat Palio branco.

Ela percebeu que o pagamento por PIX não chegou em sua conta bancária, entrou em contato com quem negociou a venda, mas recebeu mensagem de outro número, contendo uma ameaça acompanhada de uma foto de arma de fogo.

Após receber as informações, a PM conseguiu localizar o veículo e o abordou. Uma mulher conduzia o carro e informou que o filho usou o Fiat Palio com o primo. Os suspeitos, por sua vez, disseram ter comprado a TV pelo aplicativo, pagaram R$ 1,1 mil e foram ao endereço buscar o equipamento.

As respostas não convenceram a PM, que prendeu a dupla, embora sem algemá-la, por ter colaborado com os agentes. A corporação levou os jovens para a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

A PM não detalhou a que corporação o militar pertence.

Publicidade