OPERAÇÃO OMAWE

Mais de 7 toneladas de cassiterita são apreendidas no Asa Branca

Dois homens, de 19 e 26 anos, foram conduzidos à PF por envolvimento na armazenagem do minério vindo do garimpo ilegal

A apreensão ocorreu dentro do contexto da Operação Omawe. (Foto: reprodução/PRF)
A apreensão ocorreu dentro do contexto da Operação Omawe. (Foto: reprodução/PRF)
Publicidade
Publicidade

Em uma ação conjunta na manhã desta sexta-feira (01), cerca de 7,5 toneladas de cassiterita, uma arma de fogo e maconha foram apreendidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). A apreensão ocorreu dentro do contexto da Operação Omawe. 

De acordo com a PRF, a ação ocorreu em um depósito, onde foram encontrados, aproximadamente, 7,500 quilos de cassiterita, a arma de fogo, munições calibre 12, droga, máquinas de mineração, balança e outros materiais.

No local, também foram encontrados dois homens, um de 19 e outro de 26 anos, que estavam trabalhando no processamento e armazenagem da cassiterita. Os dois foram conduzidos à Polícia Federal juntamente com o material apreendido. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O minério, segundo a PRF, é oriundo do garimpo ilegal em terras indígenas de Roraima. Já a quantidade de cassiterita apreendida tem valor estimado em R$ 862 mil.

Publicidade