RORAIMA

Site da Uerr é alvo de ataque hacker, mas problema não afeta eleição para reitor

Instituição confirmou ter sofrido o ataque cibernético e prometeu investir em soluções de segurança cibernética para mitigar futuros ataques

Site da Uerr fora do ar na manhã desta quinta-feira (26), dia de eleições para reitor (Foto: Reprodução)
Site da Uerr fora do ar na manhã desta quinta-feira (26), dia de eleições para reitor (Foto: Reprodução)

O site da Universidade Estadual de Roraima (Uerr) foi alvo de ataque hacker que o deixou fora do ar. A instituição confirmou ter sofrido o ataque cibernético, identificado na tarde de quarta-feira (25), e ressaltou que o problema não afeta a eleição para reitor desta quinta-feira (26).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



“O site em nada influencia o sistema eleitoral. Podendo ser checado por meio do link https://eleicoes.uerr.edu.br

O sistema eleitoral utilizado para as eleições está operacional e disponível para verificação de acesso desde o dia 28 de setembro, exatamente para garantir que o eleitor tivesse tempo hábil para corrigir dados cadastrais e sanar dúvidas em caso de alguma inconsistência, nos termos do §2º, do artigo 19, constante no edital das eleições 2023.

Salienta também que até às 20h, período em que a votação ocorre, o e-mail [email protected] está disponível para mitigar possíveis dúvidas, que também podem ser formalizadas presencialmente no protocolo da instituição que encaminhará para a comissão eleitoral para solução”.

Uerr, em trecho da nota

A universidade ainda prometeu investir em soluções de segurança cibernética para mitigar futuros ataques dessa natureza.

Sites da UFRR e do IFRR

Site da UFRR sofre instabilidade (Foto: Divulgação)

Os sites das universidades Federal de Roraima (UFRR) e do Instituto Federal de Roraima (IFRR) também foram ameaçados de ataque cibernético. A universidade, cujo site ficou momentaneamente indisponível, disse que ataques a sistemas de órgãos públicos são corriqueiros, que com a UFRR não é diferente, mas que nenhum deles “foi capaz de prejudicar o funcionamento da instituição”.

“A equipe da nossa Diretoria de Tecnologia da Informação tem trabalhado para mitigar esse tipo de incidente. A UFRR tem investido em soluções que nos propiciem uma maior defesa de seus sistemas”, destacou.

No início da tarde desta quinta-feira, o IFRR confirmou ter detectado tentativas de ataque. “No entanto, os mecanismos de segurança estão garantindo a proteção na página web da instituição. Os criminosos digitais seguem com as tentativas, o que está causando instabilidade no site institucional, mas nenhum outro dano foi gerado”, declarou o instituto, que disse acompanhar o caso e que qualquer prejuízo detectado será prontamente informado ao público.

Autoria do ataque

Em e-mail enviado à Folha, Uerr e UFRR, um hacker se identificou como Azael e reivindicou a autoria da ação. Ele diz pertencer ao Coletivo Internacional Anonymous e explicou a motivação para o ato, ao citar as inúmeras denúncias de assédio sexual supostamente “mal resolvidas” nas instituições de Ensino Superior de Roraima, o que na opinião dele, “reflete uma falha significativa em nossas estruturas sociais e um desrespeito intolerável pelos direitos humanos básicos”.

Azael diz esperar que o ataque “possa trazer à tona a necessidade urgente de resolver e prevenir casos de assédio sexual em instituições poderosas”. “Esta mensagem não pretende justificar a natureza do ataque, mas sim chamar a atenção para a gravidade da situação”, declarou.

Por fim, o hacker cobrou “medidas imediatas para investigar essas denúncias de assédio sexual e implementar planos eficazes para prevenir futuros casos”, por meio de ambiente seguro e sensível, em que as vítimas se sintam encorajadas a denunciar e receber apoio adequado.