APOIO NA SAÚDE

Boa Vista contará com o “Consultório na Rua” para atender pessoas em situação de rua

Serão duas equipes multiprofissionais que atuarão sob o sistema de revezamento. A ação é parte do programa “Boa Vista + Saúde”, desenvolvido pelo município de Boa Vista. 

Serão oferecidos diversos serviços de atenção a saúde primária para a população vulnerável da cidade. (Foto: Jonathas Oliveira/SEMUC)
Serão oferecidos diversos serviços de atenção a saúde primária para a população vulnerável da cidade. (Foto: Jonathas Oliveira/SEMUC)
Publicidade
Publicidade

Foi lançada nesta segunda-feira, 27, a ação “Consultório na Rua” que oferecerá à população em situação de rua serviços de atenção a saúde primária. Agora, essas pessoas poderão contar com uma van equipada para iniciar o pronto atendimento nas áreas da odontologia, psicologia, além de consultas médicas, pré-natal, aferição de pressão, glicemias e sinais vitais, curativos e outros serviços de saúde.

O Consultório na Rua é uma iniciativa instituída pela Política Nacional de Atenção Básica (PNAB) e atua frente aos diferentes problemas e necessidades de saúde da população em situação de rua, inclusive na busca ativa e cuidado aos usuários de álcool, crack e outras drogas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Em Boa Vista, serão duas equipes de multiprofissionais que atuarão sob o sistema de revezamento. A ação é parte do programa “Boa Vista + Saúde”, desenvolvido pelo município de Boa Vista. 

Arthur Henrique, prefeito de Boa Vista, explica que a proposta visa reestruturar e fortalecer a Atenção Primária (APS) que está sendo reordenada após o aumento nas buscas de serviços de saúde devido ao crescimento da população da capital.

“É um veículo com tudo que é necessário para um atendimento humanizado e de qualidade. Sabemos que, por conta da crise migratória, a população de rua em Boa Vista cresceu significativamente e o ‘Consultório na Rua’ antecipará a necessidade dessas famílias em buscar nossas UBSs, contribuindo também para o desafogamento dos atendimentos e melhor qualidade de vida dessas famílias em vulnerabilidade”, explicou Arthur.

A secretária municipal de Saúde, Regiane Matos, afirmou que o ‘Consultório Móvel’ atuará de forma integrada ao trabalho desenvolvido nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). 

“Entre os profissionais da equipe, estão: médicos, enfermeiros, assistentes sociais, técnicos de enfermagem, técnico de saúde bucal e psicólogos. As atividades ocorrerão de forma itinerante, desenvolvendo ações compartilhadas e integradas às UBSs”, complementou.

Confira os serviços oferecidos no Consultório Móvel:

  • Ações de promoção e proteção da saúde, prevenção de agravos, redução de danos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e manutenção da saúde;
  • Avaliação de risco e identificação das necessidades de cuidado;
  • Acompanhamento multiprofissional na unidade de atenção primária e na rua;
  • Ações individuais, em grupo e visitas na rua;
  • Acompanhamento em todas as linhas de cuidado descritas nesta carteira de serviços para crianças, adolescentes, adultos e idosos;
  • Atenção ao pré-natal das gestantes em situação de rua;
  • Atenção à saúde bucal;
  • Atenção à saúde mental;
  • Busca ativa e notificação de doenças e agravos de notificação compulsória e outros agravos prevalentes na rua;
Publicidade