LETRAS SABOROSAS

Aprenda a programar as quantidades de comida para as festas de fim de ano

Aprenda a programar as quantidades de comida para as festas de fim de ano
Publicidade
Publicidade

Olá amigos leitores!

Dezembro chegou e com ele as festas de confraternização de final de ano com família e amigos. Mas você sabe calcular as quantidades de pratos para não haver desperdício?

Resolvi deixar umas dicas para que as festas sejam fartas sem desperdício, afinal estamos num momento econômico que devemos optar por compartilhar bons momentos, alegrias e as comidas que estarão na ceia.

Escolha o cardápio da sua festa levando em consideração a quantidade de pessoas e o horário, se for um almoço de Natal reforce as quantidades, pois se come mais de dia. Mas se for de noite pode escolher o cardápio com um ou dois tipos de carne, calculando 200 gramas por convidado e 160 gramas de acompanhamentos por pessoa (arroz, salada, farofa, outros).

Já as bebidas podem ser calculadas assim: água 500 ml; refrigerante ou suco 300 ml por pessoa; cerveja de 3 a 4 latas de 300 ml por pessoa, garrafa de 750 ml são seis taças e chope de 1,5 a 2 litros por pessoa; uma garrafa de vinho serve três pessoas, e de espumante serve quatro pessoas.

As sobremesas podem ser calculadas 60 gramas por pessoa, uma fatia de torta ou bolo por pessoa.

Divida as tarefas com todos, não só por que fica mais econômico, mas por que envolvendo todos nas tarefas de  decoração, comidas, bebidas, diversão fica muito mais alegre e todos se sentem mais acolhidos, pois Natal é compartilhar amor, gentileza, carinho e boas energias.

A receita de hoje é uma inspiração amazônica, pode estar na sua ceia ou ser um presente saboroso para seus amigos doces, secretos, ocultos na suas festas de confraternização. O bolo de Castanha do Pará natalino foi feito com leite vegetal de castanha, com o óleo e a farinha de castanha do Pará. Esse bolo se não utilizar a farinha de trigo fica um produto totalmente sem glúten, mas quem tem alergia à proteína do leite de vaca pode comer sem susto.

E que tal regionalizar seu cardápio de festas?

Pode incrementar a paçoca de carne de sol e fazer uma bela farofa com ela; usar os nossos peixes como caldeirada, assado ou no forno; fazer canapés com beiju de mandioca; molho de pimenta com tucupi negro; e assim celebrar a nossa culinária roraimense.

Para aqueles que não estão dispostos a ir para a cozinha, existem várias empresas locais e chefs de cozinha que estão oferecendo seus cardápios festivos nas redes sociais. Ou você pode se aventurar na cozinha e escolher uma receita na coluna Letras Saborosas, afinal, temos receitas para todos os gostos desde 2011 no jornal Folha de Boa Vista. Até a próxima semana!

Bolo de Castanha para o Natal

RECEITA DO DIA

Bolo de Castanha do Pará Natalino

Denise Rohnelt Araujo

INGREDIENTES:

500g de farinha de castanha do Pará

250g de farinha de trigo

04 ovos

125 ml de óleo de girassol ou de castanha

400g de açúcar branco ou mascavo à escolha

01 colher de sopa de fermento em pó

250 ml de leite vegetal de castanha

½ semente de cumaru ralada

Uvas passas à gosto

Cobertura:

250g de açúcar de confeiteiro

03 colheres de sopa de leite de castanha

MODO DE FAZER:

Para fazer a farinha de castanha triturar 500 gramas de castanhas do Pará devagar no processador de alimentos ou no liquidificador, não precisa ficar fina, reserve numa tigela grande.

Peneire a farinha de trigo na tigela com a farinha de castanha. No liquidificador bata os ovos, o açúcar, o leite de castanha, o óleo e as raspas de cumaru por cinco minutos.

Misture os ingredientes líquidos com as farinhas e o fermento delicadamente com uma colher até ficar uma massa homogênea. Coloque uvas passas à gosto para dar um toque natalino.

Essa receita pode ser feita em uma forma retangular Média – 35 cm x 25 cm ou em duas formas de bolo inglês média: 27 cm x 12 cm x 7 cm. Untar com óleo e farinha de trigo a forma, despejar a massa e levar ao forno pré-aquecido, assar por 40 minutos virando na metade para assar por igual.

COBERTURA: basta mistura o açúcar de confeiteiro com o leite de castanha, para fazer um glacê fácil  e rápido. Pode colocar confeitos coloridos para enfeitar o bolo.

Desenformar morno e colocar a cobertura. Deixar esfriar bem antes de embalar para presente

DICA: que tal colocar um pouco de doce de cupuaçu na massa? Fica um bolo de castanha com cupuaçu bem amazônico.

Publicidade