ECLIPSE SOLAR
Eclipse em Boa Vista terá duas horas de duração
Veja os horários, os melhores locais da cidade e quais cuidados tomar para ver o fenômeno que promete entrar para a história
Por Folha Web
Em 21/08/2017 às 08:30
O clube de astronomia estará no Sesc Mecejana observando o Eclipse (Foto: Arquivo Pessoal)

Previsto para começar em Boa Vista exatamente às 14h55 desta segunda-feira (21), em horário local, com máximo de obscuridade às 16h01 e encerramento às 16h58 – quase duas horas de duração, o eclipse solar poderá ser visto parcialmente, com 37,9% de visibilidade, na capital roraimense.

Entre os melhores locais na cidade para ver o fenômeno estão pontos altos, que não existem abertos ao público em Boa Vista, ou a céu aberto, como o Parque Anauá, A Orla Taumanan e a Ponte dos Macuxi. O grupo de astronomia de Roraima estará também no Sesc Mecejana fazendo a observação de modo seguro do eclipse solar parcial.

Tal eclipse, que é um dos fenômenos astronômicos mais esperados dos últimos anos e que promete entrar para a história, poderá ser visto totalmente nos Estados Unidos, onde percorrerá todo o território do país, de costa a costa. Na América Central e norte da América do Sul o eclipse acontecerá parcialmente.

No Brasil, estados e cidades localizados nas regiões Norte e Nordeste terão visualização privilegiada, com destaque para as cidades de Boa Vista (RR) com 37% de visibilidade, Belém (PA) em 38%, São Luís (MA) com 39%, Fortaleza (CE) 40% de visibilidade e Macapá (AP) até 41%.

Quais cuidados tomar

Para quem for observar o eclipse solar nesta segunda (21) é necessário tomar cuidados importantes, como nunca olhar diretamente para o fenômeno sem uma proteção adequada e nem apontar lunetas, binóculos ou telescópios na direção do Sol sem filtros seguros, pois isso pode danificar o equipamento além de causar queimaduras graves nas retinas ou cegueira permanente.

Óculos escuros, óculos 3D, vidro fumê, chapas de exames de Raio-X, filmes velados, máquinas fotográficas e CDs também não são recomendados por não terem proteção contra raio ultravioleta. Para visualizar o eclipse, o correto é utilizar óculos especiais ou óculos de soldador, com filtro de solda número 14 para cima, que pode ser encontrado em casas especializadas de solda. Também não se deve contemplar o eclipse através das nuvens nem refletido em superfície de água.

O que é o eclipse solar

O eclipse solar é um fenômeno em que a Lua passa em frente do Sol bloqueando a luz solar para quem o vê da superfície terrestre. Considerado raro por ser visto de estreitas faixas de território sobre a Terra, o eclipse pode ser total ou parcial, dependendo da posição da Lua e aonde ela incide.

Durante o eclipse total, como o que ocorrerá nos EUA, acontece outro fenômeno raro, o chamado “anel de fogo”, que é quando um pequeno feixe de luz transparece do Sol ao redor da Lua instantes antes ou depois da passagem do eclipse total. No eclipse parcial, que acontecerá no Brasil, a Lua cobre somente parte do disco solar visto no céu.

Luiz disse: Em 21/08/2017 às 12:47:47

"Como pode fazer mal se a luz do sol vai ser bloqueada pela lua, se fosse só o sol eu entenderia e aceitaria melhor."