PSIQUIATRIA
Servidor do HGR é homenageado por atuação durante incêndio
Direção do hospital entregou ao servidor um certificado de Honra ao Mérito na manhã deste sábado, 23
Por Folha Web
Em 23/12/2017 às 12:17
Dássio Carvalho tem 13 anos de profissão, a maior parte deles dedicados ao HGR (Foto: Divulgação)

O domingo passado (17) era um dia de trabalho comum para o técnico de enfermagem Dássio Carvalho, até que um incêndio provocado por um paciente na ala de psiquiatria do HGR (Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento), onde ele trabalha, o fez ir correndo para socorrer os pacientes e contornar a situação.

“Mesmo com a forte fumaça, abri a porta e pedi que os pacientes saíssem. Em seguida voltei, peguei o extintor e consegui apagar as chamas antes da chegada dos Bombeiros”. Pela atitude, considerada exemplar, a direção do hospital homenageou o servidor com certificado de Honra ao Mérito na manhã deste sábado (23), no Bloco C, onde ocorreu o incidente.

Com 13 anos de profissão, praticamente todos prestados no HGR, Dássio já foi, em outra ocasião, peça chave para garantir socorro às vítimas de um acidente, mas conta que não considera estes feitos como atos de coragem. “Homenagem é sempre bom, mas eu vejo isso como uma obrigação para todo mundo. Se você tem condições, não vejo outra opção a não ser ajudar. Mas recebo com muita alegria a homenagem feita pelos meus colegas”.

A coordenadora interina do bloco C, Ádria Sampaio, explicou que o técnico de enfermagem é o profissional em contato direto com os pacientes e representa os olhos do enfermeiro para ver as intercorrências. “Ele viu além do que era sua atribuição profissional e teve essa atitude rápida de apagar o fogo. Foi um ato heroico, do nosso ponto de vista, por isso resolvemos prestar nossa singela homenagem”.

MELHORIAS - A ala destinada a pacientes com transtornos mentais graves no HGR passará por adequações a partir da segunda quinzena de janeiro. As mudanças na estrutura física garantirão acesso a um jardim, além de criar salas para trabalhos em grupo, terapias com base na arte, garantindo um ambiente mais favorável para a assistência prestada a estes pacientes.

Posteriormente, outro projeto em andamento vai garantir uma estruturação maior para o setor. O Bloco D será reformado e a psiquiatria será transferida para lá, onde serão oferecidas melhores condições de atendimento e acolhimentos aos pacientes com transtornos mentais.

O investimento total na reforma do bloco será de quase R$ 1 milhão, fruto de emenda parlamentar do deputado federal Jhonatan de Jesus. O projeto está em trâmite, para elaboração de projetos complementares. 

A Política de Saúde Mental adotada pelo Estado segue as orientações da Lei Federal 10.216/2001, para proteger e garantir os direitos das pessoas com transtornos mentais.

***
Gostou?
38
5
Manuel disse: Em 23/12/2017 às 15:01:51

"Parabéns ao nosso Herói e a Direção que o homenageou. No Brasil não temos o habito de reconhecer os gestos de Grandeza dos Cidadães. É como se doesse, arrancasse um pedaço ou fizesse algum mal o reconhecimento da gratidão. Nos USA e em outros países o Herói é sempre homenageado, tem lugar de destaque, a doação de sua própria vida pelos indefesos não tem preço que pague, no mínimo um gesto de agradecimento é honrosso. Parabéns a todo. Isto nos Honra."