ISOLAMENTO
Rompimento de bueiro pode levar a situação de emergência em Uiramutã
O prefeito do município informou que o Exército vai deslocar uma 'ponte molhada' para ajudar na travessia de veículos pesados
Por Folha Web
Em 03/05/2016 às 16:23
No final de semana, as fortes chuvas levaram ao rompimento de um bueiro, deixando a cidade praticamente isolada (Foto: Mary Pietro)

O rompimento de um bueiro e de algumas pontes na estrada de acesso ao município de Uiramutã, no último final de semana, pode levar a Prefeitura Municipal a decretar situação de emergência. O município, que fica a 279 quilômetros da capital, está praticamente isolado depois das fortes chuvas no sábado.

Segundo o prefeito Eliésio Cavalcante (PT), a Prefeitura disponibilizou toda a logística necessária para uma solução paliativa do problema. Para isso, deslocou uma caçamba, motoniveladora, retroescavadeira, todos esses equipamentos da prefeitura, além de uma equipe técnica de 10 pessoas, com engenheiro e pessoal operacional, para providenciar um desvio seguro para a passagem de veículos.

“Hoje os carros estão passando, mas com algum risco. O que queremos é que essa passagem aconteça com tranquilidade. Para isso, temos uma equipe da prefeitura de plantão para qualquer eventualidade”, disse.

Pela manhã, a comissão de Defesa Civil do Município já começou a fazer um levantamento dos estragos causados pela enxurrada para apresentar ao Governo do Estado. “Vamos correr atrás para resolver até amanhã (4), concluir esse trabalho para que seja possível publicar o decreto de emergência”, disse Eliésio ao explicar que não foi apenas o bueiro próximo a comunidade indígena de São Mateus que se rompeu, mas várias pontes foram levadas pela chuva, como a da Madureza e do Igarapé do Morro, ambas na estrada que dá acesso a região do Mutum, entre outras.

O prefeito explicou que a estrada RR-101 é de responsabilidade do Estado, mas adiantou que entrou em contato com o comando do 6° Batalhão de Engenharia de Construção (BEC) e recebeu a informação de que na manhã desta terça-feira (3), o comandante estaria reunido com o secretário estadual de Infraestrutura, Flamarion Portela, para buscar meios de agilizar uma solução para o problema.

Eliésio adiantou ainda que o Exército já deslocou o uma “ponte molhada”, uma espécie de desvio feito com concreto passando por dentro do Igarapé, para que veículos de grande porte possam passar. “É uma forma emergencial. Não tem como construí uma ponte nessas localidades em função do Inverno”, salientou. Também o Governo do Estado informou ao prefeito estar encaminhando uma equipe de avaliação da situação.

***
Gostou?
0
0
MEY disse: Em 05/05/2016 às 11:25:06

"PARABÉNS A EQUIPE DA PREFEITURA DE UIRAMUTÃ, OS MENINOS ADEILTON, FABINHO TENTAÇÃO , CASCA DE BALA E KATE QUE JÁ ESTÃO DESDE O DIA EM O BOEIRO ROMPEU FORA DE SEUS SEUS LARES E ACONCHEGO DE SUAS FAMÍLIAS, PARA AJUDAR."