FURTO
Polícia Civil prende ladrão de motocicleta e notebook
Por João Barros
Em 06/03/2018 às 00:34
Foto: Divulgação

Após iniciar investigações a respeito do furto de uma motocicleta e um notebook de dentro de uma empresa, agentes da Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos de Veículo Automotores Terrestres (DRRFVAT), em parceria com policiais do Departamento de Inteligência da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Deint/Sesp), conseguiram prender o autor do crime.

Conforme a Polícia, o indivíduo foi localizado e preso no bairro Caimbé. Ele já responde processo em liberdade pelo crime de estupro e acabou confessando aos policiais que havia trocado a motocicleta furtada em uma “boca de fumo”, que também fica no bairro Caimbé. Quando chegaram ao endereço informado pelo infrator, a equipe policial percebeu que muitos usuários de droga estavam na residência, por isso solicitaram apoio da Força Tática, da Polícia Militar, para iniciar uma busca aos produtos furtados e pelos demais envolvidos no furto.

Na boca de fumo os policiais identificaram o receptador, conhecido vulgarmente como “Clone”. Ele também confessou que havia receptado a motocicleta e que a droga localizada na sua residência lhe pertencia, porém, a motocicleta não se encontrava no local. Mas decidiu levar os policiais até a área do Caetano Filho, o “Beiral”, onde teria escondido a moto.

Os policiais fizeram buscas no local indicado por “Clone” e acabaram localizando duas motocicletas com restrição de roubo e furto escondidas dentro de um matagal, sendo uma Honda/Biz, de placa NAP-7059, e uma Yamaha, de placa NAZ-8718, além de um notebook, porém, a terceira motocicleta, uma Honda/Titan, de placa NAP-3541, não estava mais no local indicado pelo receptador.

Tanto o ladrão quanto o receptador, juntamente com as motocicletas e todos os outros produtos arrecadados pela Polícia durante as ações, foram apresentados ao delegado da Central de Flagrantes para que fossem realizados os procedimentos policiais. Depois de ouvidos, foram autuados em flagrante por furto qualificado e tráfico de drogas. O receptador é reincidente no crime de tráfico de drogas. (J.B)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!