ELEIÇÕES 2018
Mecias confirma apoio a Denarium e Bolsonaro
Por Folha Web
Em 11/10/2018 às 01:50
Mecias de Jesus: “Estamos conscientes da nossa responsabilidade de bem representar o Estado em busca de dias melhores para o nosso povo” (Foto: Divulgação)

O senador eleito Mecias de Jesus reiterou o apoio do PRB à candidatura de Antonio Denarium ao Governo afirmando ser óbvia tanto pelo seu grupo de amigos, familiares e simpatizantes ao candidato do PSL, pelo fato de a outra opção simbolizar um passado já conhecido. Além de considerar a necessidade de mudança na gestão administrativa estadual no sentido de que os recursos conseguidos pela bancada roraimense sejam aplicados de maneira efetiva no serviço público.

“Assim, depositamos nossa esperança e fé nas propostas de termos uma gestão diferente, moderna e eficiente, com novas ideias, que gerem novas ações e traga o desenvolvimento e a melhoria na qualidade de vida de todos os roraimenses. Estamos juntos nesta caminhada por um Roraima desenvolvido social e economicamente, que seja bom para a geração de renda e oportunidade para todos”, declarou.

Com 17,43% dos votos válidos totalizando 85.366, o senador eleito por Roraima afirmou que a vitória é resposta do povo contra o que Roraima já viveu. “Com a benção de Deus e o apoio dos amigos de Roraima, nossas propostas foram aceitas e vamos cumprir efetivamente com tudo que nos propomos, lutando para defender os interesses do nosso povo, em respeito a cada voto que recebemos. Estamos felizes, mas conscientes da nossa responsabilidade de bem representar o Estado em busca de dias melhores para o nosso povo”, afirmou.

PRESIDÊNCIA – O senador eleito afirmou também que vai manter o apoio ao candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro, por acreditar ser a melhor opção para o Brasil no contexto atual. “Precisamos restaurar o Brasil nos pontos de vista moral, intelectual, social e, principalmente, econômico. Bolsonaro demonstra capacidade estratégica no sentido de defender o livre mercado e é disso que o país precisa, de impacto administrativo neste sentido”, disse.

“E mesmo ele sendo visto como conservador nos costumes, isso não significa retrocesso para o país, pelo contrário, entendemos que sua postura trata-se de uma medida de contenção contra a deterioração dos valores e da cultura brasileira que precisamos restaurar”, finalizou.

***
Gostou?
18
3
Aguia disse: Em 11/10/2018 às 08:53:43

"Muito bem, ótima escolha. Com essa equipe ganhando o Estado voltará a crescer. "