VIAGEM DE BICICLETA
Ciclista japonês já passou por 154 países
Ryohei começou a viagem no continente asiático e passou por 154 países
Por Raisa Carvalho
Em 28/06/2016 às 00:24
Com uma mochila, um mapa e uma bicicleta, Ryohei conheceu 154 países (Fotos Arquivo pessoal)

Viajar com uma mochila, um mapa e uma bicicleta. Esse era o sonho de Ryohei Oguchi, de 36 anos, que, em 2007, deixou seu trabalho em Nagano, Japão, para fazer uma viagem de bicicleta pelo mundo. Em nove anos o ciclista já conheceu 154 países. Segundo ele, a viagem tem um significado especial. “A experiência me levou a sentir uma renovação espiritual e uma fome de conhecer o mundo”, contou.

Ryohei começou a viagem no continente asiático e passou pela China, Índia, Azerbaijão, Mongólia, entre outros. Um dos lugares que mais o deixou impressionado foi Madagascar, Indonésia. O ciclista também conheceu os países da Europa e América do Norte antes de chegar à América do Sul.

“Depois de Macapá, no Brasil, fui para a Guiana Inglesa, conheci o município de Bonfim, na fronteira com o Brasil, e agora vou seguir para a Venezuela”, disse. Apesar de falar apenas inglês e japonês, Ryohei tem sido capaz de comunicar-se através de expressões e fazer muitas amizades. "Em toda a viagem, as pessoas me ajudaram. Conheci muitas pessoas, tirei fotografias. A viagem vem dando certo porque encontrei pessoas do bem”, relatou.

A viagem ainda irá durar dois meses. O viajante deve seguir até a Colômbia, onde pegará um avião que o levará de volta para casa. “Sinto falta de casa, mas acho que irei voltar renovado, com um novo aprendizado, muita coisa mudou para mim”, contou.

Pedalando

Para o viajante, a ideia é fazer uma viagem de bicicleta, não basta ter disposição e sair pedalando. Para praticar o cicloturismo, com segurança e conforto, é preciso ter alguns cuidados e estar preparado para os imprevistos no meio da estrada. No trajeto entre a Guyana e o Brasil, o ciclista enfrentou uma das estradas mais difíceis para se locomover. “Era muita chuva e lama, foi o trajeto em que eu precisei segurar a bicicleta para atravessar, mas as áreas de floresta fechada eram realmente muito lindas”, contou.

Ao chegar a Boa Vista, o viajante disse que se deparou com uma linda cidade e sentiu um clima de muito calor. “A cidade é aconchegante, mas o clima é bastante quente, o que deixa andar de bicicleta um pouco mais cansativo”, disse.

Para ele, o que o motiva fazer uma viagem tão grande é percorrer ruas, pontos turísticos ou até mesmo explorar fauna e flora exóticas de uma região, pedalando. “Esteja preparado fisicamente e psicologicamente para a viagem que deseja realizar! Aproveitar a viagem para descansar, conhecer a cidade e conhecer a forma de vida das pessoas. No Brasil, conheci pessoas muito alegres e educadas que me ensinaram um pouco da vida do brasileiro. O que mais me encanta é a culinária brasileira, feijão, pão de queijo, churrasco e o açaí, que é bastante conhecido no Japão, só que muito caro”, finalizou.

***
Gostou?
0
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!