SISTEMA PRISIONAL
Presos ficam sem comida e iniciam tumulto na Penitenciária
Agentes penitenciários afirmaram que detentos estão sem comer há pelo menos dois dias e que há informação sobre mortes na unidade
Por Folha Web
Em 14/12/2017 às 12:00
A falta de café da manhã foi o estopim para que presos iniciassem tumulto com princípio de rebelião (Foto: Divulgação)

A falta de café da manhã foi o estopim para que presos da Penitenciária Agrícola do Monte Cristo (Pamc), na zona Rural de Boa Vista, iniciassem um tumulto com princípio de rebelião na unidade.

Segundo agentes penitenciários, os detentos estariam há pelo menos dois dias sem comer. O problema estaria ocorrendo devido a atrasos de pagamento à empresa que fornece alimentação para os presídios.

Inconformados com a situação, alguns detentos iniciaram uma manifestação dentro das alas e tentaram sair das celas. Os apenados falaram aos agentes que há pelo menos um detento morto na Penitenciária. “A Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania [Sejuc] só vai buscar o corpo depois da entrega do material”, disse o agente.

Por conta da confusão, policiais militares que atuam na unidade prisional solicitaram reforço para controlar os ânimos dos presos.

OUTRO LADO- Em nota,  a Sejuc (Secretaria de Justiça e Cidadania) informou que efetuou ontem, 13, o pagamento da empresa Quali Gourmet, que fornece refeições na Pamc (Penitenciária Agrícola de Monte Cristo).

Informou ainda que já acionou a empresa para prestar esclarecimentos sobre o não fornecimento do jantar da noite de quarta-feira, 13 e o café da manhã desta quinta-feira, 14, e cobrar o retorno do fornecimento.

"Por medida de segurança, a entrega dos itens de limpeza e higiene feita por familiares foi suspensa temporariamente", frisou.

***
Gostou?
18
17
rnuj disse: Em 14/12/2017 às 12:01:43

"Essas criaturas têm é que trabalhar para pagar as despesas! "