MEIO AMBIENTE
Voluntários recolhem mais de 500 quilos de lixo de balneários da capital
A ação faz parte da Caminhada Ecológica, da Companhia de Águas e Esgotos de Roraima, que está na sua 3ª edição
Por Folha Web
Em 28/01/2018 às 16:20
Equipes que participaram da Caminhada Ecológica recolheram mais de 500 quilos de lixo de balneários da capital (Foto: Ascom Caerr)

O Governo do Estado, por meio da Companhia de Àguas e Esgotos de Roraima (Caerr), promoveu na manhã deste domingo, 28, a 3ª edição da Caminhada Ecológica, iniciativa que percorreu as margens dos balneários Caranã e Cauamé.

De acordo com a Companhia, mais de 500 quilos de lixo foram recolhidos pelos pelos 100 voluntários que participaram da iniciativa. Os itens variavam entre pneus, garrafas plásticas, ferro e até televisores. “Para todos nós esse é um momento importante. É quando damos o pontapé inicial nas ações socioambientais desenvolvidas pela Companhia. Esse é compromisso que a empresa assume, atendendo às diretrizes do Governo, de realizar um trabalho voltado também para a preservação da natureza”, esclareceu o presidente da Caerr, Danque Esbel.

Em 2018, segundo Esbell, o trabalho contou com a participação de colaboradores da Caerr, Corpo de Bombeiros, Academia de Polícia Militar, Secretaria Estadual de Agricultura (Seapa), Universidade Federal de Roraima (UFRR), Instituto Federal de Roraima (IFRR), Câmara Municipal de Boa Vista (CMBV), Eletronorte, Uninter, Idecan, Associação de Catadores de Recicláveis, equipe Tribos e Trilhas de Roraima, entre outras instituições.

“Quando soubemos desse trabalho pelas redes sociais da Caerr, na mesma hora nos interessamos em participar e apoiar essa iniciativa, pois essa preocupação com a preservação da natureza faz parte também do nosso foco de trabalho, no que se refere a viver com qualidade de vida. Por isso, hoje estamos aqui para somar esforços”, enfatizou a proprietária da Clínica Estética e Emagrecimento, Karla Monteiro.

Os grupos se dividiram e durante quase três horas seguiram pelo rio, nas partes rasas, pela margem dos balneários e nas trilhas, pela mata. A turma dos esportes radicais garantiu o transporte do material recolhido, ajuda fundamental para otimizar a coleta de resíduos.

“Participamos das edições anteriores e mais uma vez estamos aqui para ajudar. Nós amamos o esporte, a natureza, a liberdade que esse paraíso que o nosso rio Branco nos proporciona, mas sabemos que para desfrutar de toda essa riqueza é preciso preservar, por isso fazemos questão de ajudar”, reforçou Ramon Ron, representante dos grupos de esportes radicais.

A Caminhada Ecológica é um dos seis projetos do Programa Caerr Socioambiental, coordenado pelo NMA (Núcleo de Meio Ambiente). “Nas edições anteriores, recolhemos pelo menos 800 quilos de resíduos e dessa vez retiramos da natureza cerca de meia tonelada de lixo, o que para nós é gratificante, pois são materiais altamente poluentes que terão o destino adequado. Quem ganha com isso é a natureza; essa é a maior recompensa”, finalizou Esbell.

Com informações do Governo do Estado.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!