ÁLCOOL E DIREÇÃO
Três são presos em menos de 12 horas por crimes de trânsito em BV
Gostei (2) Não gostei (0)
Por João Barros
Em 14/10/2017 às 00:38

Os crimes de trânsito, especialmente embriaguez ao volante e direção perigosa, estão entre as principais ocorrências apresentadas na Delegacia. Entre as 15h e às 23h30 do feriado de quinta-feira, dia 12, três pessoas foram presas, sendo duas delas autuadas em flagrante.

O primeiro caso aconteceu por volta das 15h do Dia das Crianças, quando um homem, de 35 anos, foi preso após colidir em uma motocicleta na esquina da avenida Nossa Senhora de Nazaré com a rua Raimundo Penaforte, bairro Asa Branca, zona oeste da Capital.

A vítima transitava em uma motocicleta modelo Honda/Biz, enquanto o suposto autor do acidente conduzia uma picape Fiat/Strada. O piloto da moto contou aos policiais que seguia pela avenida Nossa Senhora de Nazaré em direção à rua Manoel Felipe, quando foi surpreendido no cruzamento das duas vias pelo veículo, que avançou a preferencial.

A Polícia chegou ao local, mas não encontrou a vítima que já tinha sido removida pelo Resgate do Corpo de Bombeiros ao Hospital Geral de Roraima (HGR). Os policiais acionaram a perícia para fazer uma avaliação das condições dos veículos.

O condutor do automóvel parecia estar sob efeito de álcool e exalava forte cheiro de bebida alcoólica, além disso, muitas latinhas de cerveja foram encontradas na carroceria do carro. Quando questionado, ele negou que era o motorista, mas populares e as vítimas confirmaram que ele estava no volante. Enquanto a perícia fazia seu trabalho, o homem mexeu no veículo, abrindo as portas e tentando sentar no banco do condutor, desobedecendo as ordens de permanecer distante, por este motivo recebeu voz de prisão.

De acordo com o Relatório de Ocorrência da Polícia Militar, o homem tem um histórico de crimes quando era policial militar e por essas razões foi expulso da corporação. Ele foi algemado para preservar sua condição física, assim como da guarnição.

A equipe de Polícia também foi ao Trauma do HGR, onde encontrou o condutor da moto em cima de uma maca e, segundo os profissionais de saúde da Unidade, ele tinha uma fratura na perna direita. A passageira da Biz teve escoriações pelo corpo. O piloto da moto é habilitado, mas como o veículo estava com a documentação atrasada, foi removido ao Pátio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito). A picape também foi removida pelo mesmo motivo.

Na Delegacia o suposto motorista embriagado recusou-se a fazer o teste do “bafômetro” e a fornecer seus dados pessoais para a confecção do relatório policial. Ele aproveitou para fazer ameaças à equipe que fez sua prisão.

Ele não possui CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e, depois de ouvido pelo delegado de plantão, foi autuado em flagrante e ficou detido numa das celas do 5º DP até a manhã de ontem, dia 13, quando foi encaminhado para audiência de custódia com a Justiça.

A segunda ocorrência foi outro acidente de trânsito, dessa vez no cruzamento da rua Estrela com a avenida Estrela D'alva, no Raiar do Sol, ainda zona oeste, por volta das 18h30 da quinta-feira. A PM foi acionada via Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) e, quando chegou ao endereço da ocorrência, evidenciou os fatos, localizando as partes envolvidas, inclusive percebendo que o motorista do veículo Volkswagen/Gol invadiu a via preferencial e colidiu com a moto Honda/Fan, 125, conduzida por um jovem.

Observando os sintomas de embriaguez, os policiais solicitaram que o homem fizesse o teste do etilômetro, que teve como resultado 1,38 mg/l [miligrama por litro de ar], muito acima do valor permitido por lei, de 0,05 mg/l. O homem recebeu voz de prisão, foi conduzido à Delegacia, onde o Auto de Prisão em Flagrante (APF) foi lavrado. Na manhã de ontem, ele foi levado para audiência de custódia, a fim de que a Justiça decida sobre o caso. A vítima foi socorrida e não corre risco de morte.

A terceira prisão aconteceu em horário próximo à meia-noite, no bairro Buritis, também zona oeste, quando um indivíduo, de 18 anos, foi visto pela guarnição de uma viatura conduzindo uma motocicleta Honda/Fan 125, cor vermelha, em alta velocidade. Ele foi acompanhado pelos policiais que deram voz de parada, mas desobedeceu aos pedidos e iniciou uma fuga. Em alguns momentos transitou na contramão. Ele só foi abordado nas proximidades da Feira do Passarão, na avenida dos Imigrantes.

Quando a viatura conseguiu interceptar o indivíduo, ele se recusou a deitar no chão e, por isso, teve que ser algemado à força, resultando em algumas escoriações. O percurso utilizado pelo suspeito compreendeu a Alameda dos Bambus, no Pricumã; avenida Bandeirantes, Felipe Xaud na contramão e Manoel Felipe, entre os bairros Buritis e Asa Branca e avenida dos Imigrantes, Caimbé, também na contramão, pondo em risco pedestres e outros condutores. O elemento não é habilitado e por isso o veículo conduzido por ele foi recolhido ao Pátio do Detran.

O jovem foi apresentado à delegada de Plantão na Central de Flagrantes, que depois de ouvi-lo pediu que ele assinasse um Termo Circunstanciado de Ocorrência (T.C.O.) responsabilizando-o do crime e em seguida foi liberado e não quis fazer exame de corpo de delito. (J.B)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!