ENQUADRAMENTO
Técnicos da Educação têm até 17 de agosto para entregar documentação
Por Folha Web
Em 10/08/2017 às 01:52
Diretor-geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter) Flávio Bezerra (Foto: Hione Nunes)

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter) convocou os técnicos administrativos da União, que estão na classe/nível D-101, D-102, D-201, D-202, D-203 e D-204, e que não tenham entrado com pedido de Revisão de Progressão nos últimos 12 meses, a comparecerem à Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD) da Secretaria da Administração do Ministério do Planejamento em Roraima (Samp-RR), para tratar de assuntos referentes às suas progressões.

Conforme o diretor-geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter), Flávio Bezerra, a convocação é um atendimento à determinação judicial referente à ação processo nº 000419648.2015.4.01.4200, originada do processo principal nº 94.00.00381-1. Ação Judicial (2ª Ação da Isonomia) constantes na Portaria n° 1.644 de 26/06/2017, publicada no DOU n° 122 de 28/06/2017.

Segundo Flávio Bezerra, é indispensável que o servidor apresente original e cópia da sua documentação pessoal: RG; CPF; Carteira de Trabalho; Comprovante de Residência; Comprovante de Escolaridade/Qualificação (autenticado em Cartório); Certificado de Capacitação (autenticado em Cartório) e o último contracheque. A Samp-RR fica localizada na Rua Floriano Peixoto, 214, no Centro, em frente à Escola Estadual Ayrton Senna. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 08h às 11h30.

“É necessário e extremamente importante ter atenção para o prazo final que é o dia 17 de agosto. O Sinter está unindo toda força de sua equipe para que essa informação chegue a todos os técnicos/administrativos, principalmente os do interior, que têm maior dificuldade em informação e de se deslocar para Boa Vista”, afirmou.

Ainda segundo o diretor-geral, outro ponto importante e que merece destaque é a do professor ativo da União que pretende entrar com o pedido de aposentadoria. O servidor deve, indispensavelmente, comparecer à Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD) para verificar se as suas progressões estão atualizadas. O presidente da Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD), José Ricardo Bortolon, disponibilizou o telefone 2121-2811 para o e-mail jose.bortolon@planejamento.gov.br, para facilitar o acesso aos professores das escolas indígenas e do Interior.

“Nós, como sindicato, estamos aqui para informar o professor da assistência a ele no que for preciso, fazemos de tudo, utilizamos todos os meios e recursos para abastecê-lo com informações e instrução do que acontece e como proceder, sempre estamos à disposição para o servidor da Capital, da mesma forma para o do interior, com a mesma intensidade”, frisou. (E.S)

Jota disse: Em 10/08/2017 às 09:15:07

"Informação incorreta A Comissão Permanente de Pessoal Docente é responsável pela organização da carreira dos Professores do Ex-Território e não dos técnicos administrativos. Na atual classificação dos docentes de classe/nível não existe D-203 e D-204 Não existe determinação judicial referente à ação de processo, a CPPD só trabalha com processos administrativos quando solicitados pelos professores. Não há prazo para solicitação da revisão de progressão, exceto para os aposentados que não podem solicitar se estiverem aposentados a mais de 5 anos. As solicitações de revisão de progressão são feitas por via administrativa com requerimento entregue no recursos humanos da Secretaria de Educação, e não é necessário a apresentação de nenhum documento. Prof. Dr. José Ricardo Bortolon Presidente da CPPD/SAMP/RR"