CRIMINALIDADE
Taxista é assassinado com seis tiros na frente da família
A polícia investiga possibilidade do crime ter sido uma execução
Por Folha Web
Em 07/09/2017 às 11:01
Imagens mostram o carro destruido

O motorista de taxi interestadual Israel Correia da Silva, de 39 anos, foi assassinado com seis tiros na noite de quarta-feira (6).

Ele foi morto no momento em que chegava em casa, por volta de 23h, na frente da família, no bairro Centenário, zona Oeste de Boa Vista.

Segundo a policia dois motoqueiros seriam os autores do disparo que atingiram além da vítima, o veículo que ele utilizava. 

Os bandidos chegaram a disparar sete tiros e acertaram seis disparos no tórax e cabeça da vítima.

Segundo familiares do taxista, ele tinha levado a filha para um evento na escola onde a criança estudava.

“Eles foram comer pizza e quando voltavam para casa, a esposa percebeu que dois homens numa moto o seguiam. Ele conseguiu despistar, mas no momento em que chegaram em casa, ela viu novamente os motoqueiros na esquina. Israel mandou que ela corresse e fechasse o portão mas os bandidos entraram com arma em punho e executaram ele ainda dentro do carro” contou um familiar da vítima.

Segundo o delegado Cristiano Camapum, titular da Delegacia Geral de Homicídios (DGH) ainda não existem suspeitos do crime que está sendo investigado.

 Israel trabalhava fazendo viagens para o município de Bonfim, no Norte de Roraima e é o segundo taxista assassinado este ano. 

 

 

Henrique Sérgio Nobre disse: Em 07/09/2017 às 20:05:25

"É triste ter que abri as páginas de um jornal e perceber que o cidadão comum não tem mais o direito à vida, à liberdade e nem mais o respeito quanto à sua família. Estamos à mercê da criminalidade organizada. O cidadão de bem,sim, aquele que não tem passagem na polícia, não é respeitado nem mesmo por aqueles que fizeram um concurso público jurando de pé junto que defenderiam a sociedade, só pensam em salários no fim do mês. Falta mais atenção e respeito das instituições públicas para com aqueles que pagam impostos e, consequentemente sustentam a máquina estatal. Um pai de família foi brutalmente assassinado,e a realidade é que com esta legislação insuficiente e incompetente que temos, mais crimes como estes continuarão a ocorrer mais cedo ou mais tarde. Como são malditos nossos membros do Congresso Nacional envolvidos em corrupção. "

Santos disse: Em 07/09/2017 às 12:17:07

"190!"