ALTO ALEGRE
Suspeitos de matar garimpeira são presos
Gostei (0) Não gostei (0)
Por João Barros
Em 08/02/2018 às 00:42

Ontem e anteontem, agentes da Delegacia de Alto Alegre, município da região centro-oeste do Estado, cumpriram mais dois mandados de prisão relacionados ao homicídio de Ivonete Duarte Batista, de 46 anos, conhecida como “Cabocla Nete”, crime que ocorreu no dia 2 de janeiro deste ano. A mulher foi morta dentro da casa do filho com um tiro na cabeça. 

O Setor de Investigações da Delegacia deu início às diligências e conseguiu cumprir o mandado contra dois jovens, que não tiveram nomes e idades revelados. A Polícia acredita que eles sejam integrantes de uma das facções que atuam naquele município e tiveram participação direta no assassinato.

Quatro outros elementos já tinham sido presos por ordem judicial e já estão recolhidos no sistema penitenciário, onde aguardam à disposição da Justiça. Agora, somam-se seis presos que tiveram envolvimento no homicídio.

O CASO – A garimpeira era moradora do município do Alto Alegre e foi assassinada por indivíduos no fim da noite do dia 2 de janeiro. A motivação, segundo os autores revelaram à polícia, foi o fato de a vítima pertencer a uma facção rival. 'Cabocla Nete', como era conhecida a vítima, estava sozinha em sua residência quando os quatro elementos conseguiram arrombar a porta e desferiram o tiro em sua cabeça.

O caso continua sendo investigado pela Polícia Civil, a fim de provar que os presos foram, de fato, autores do crime. (J.B)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!