JUDÔ
Roraimenses vencem competição no Amazonas
Gostei (0) Não gostei (0)
As competições objetivam também disputas sul-americanas, pan-americanas, mundiais, entre outras
Por Folha Web
Em 04/04/2016 às 20:00
(Foto: Semuc)

A Copa Fejama de Judô é uma das mais populares do Amazonas. Neste último sábado, 2, atletas que fazem parte do programa Bolsa Atleta da Fundação de Educação, Turismo, Esporte e Cultura (Fetec), participaram da competição.

O judoca Ângelo Faria foi campeão na categoria sub-15 e Bruna Vitória foi a vice-campeã na categoria sênior graduado.

Para a atleta Bruna Vitória, 20, esses campeonatos são importantes para entrar no ritmo de competições. “Como eu quero participar do Campeonato Brasileiro, é sempre bom participar de competições menores. Isso serve pra gente pegar experiência e também identificar onde devemos melhorar e assim intensificar mais os treinos”, disse.

Quem também já se prepara para a segunda competição do ano é o jovem Ângelo Faria, 12, que trouxe para Boa Vista o título de campeão da categoria sub 15.

Segundo a mãe Pâmela Adona, o Bolsa Atleta ajuda a custear despesas como passagens, estadias e alimentação no local das competições.

“Essa foi a primeira luta do ano que meu filho participou. O Bolsa Atleta ajudou a custear a ida dele para Manaus. É uma forma de incentivar o atleta para participar de competições. O Ângelo mudou de categoria recentemente e mudou a rotina de treinos. Agora ele se prepara para a Copa Troféu Amazonas que acontece dia 30 também em Manaus”.

Bolsa Atleta

No total, 17 atletas boa-vistenses ganham um incentivo a mais. Durante o período de 12 meses, tempo de duração do contrato, são investidos mais de 145 mil.

Foram contemplados atletas de cinco modalidades esportivas: ciclismo, judô, atletismo, natação e maratona aquática. O programa, iniciativa exclusiva do município, beneficia as categorias juvenil e adulto, que recebem uma bolsa de 500 e 800 reais, respectivamente.

A bolsa beneficia atletas de alto rendimento que obtêm bons resultados em condições nacionais e internacionais de sua modalidade e será usado exclusivamente para ajudar a custear as despesas com alimentação, material esportivo, taxas de inscrição em competições, transporte e outras despesas relativas ao desempenho esportivo.

A intenção é que os atletas se dediquem, com exclusividade e tranquilidade, aos treinamentos e competições locais, sul-americanas, pan-americanas, mundiais, olímpicas e paraolímpicas.

Com informações da Semuc

 

Pâmela Adona disse: Em 05/04/2016 às 00:14:54

"Creio interessante falar da equipe que foi representando o Estado...foram 17 atletas...19 medalhas....e conseguimos o vice campeonato. Para esses atletas uma grande vitória. Eles são uma família. Cada um torcendo pelo outro. Obrigada TB a todas as empresas q ajudaram coletivamente ou individualmente esses atletas."

Sérgio Borba disse: Em 04/04/2016 às 23:46:37

"Legal. Uma pena não terem comentado sobre os outros 15 atletas que também estiveram presentes no evento e que por conta desses outros atletas e suas classificações, Roraima trouxe o 2° lugar na Classificação Geral da competição, pois todos os outros atletas foram medalhados com as conquistas do 1° ao 3° lugar, mesmo a competição tendo 16 agremiações participantes e quase 400 atletas inscritos. "