SUL DO ESTADO
Porcos do Mato são apreendidos em fiscalização da Cipa
Gostei (1) Não gostei (0)
Realizada em parceria com a Aderr, a ação resultou na prisão de duas pessoas
Por Folha Web
Em 02/08/2016 às 14:54
Animais silvestres foram apreendidos com homens em Vila Colina, no município de Rorainópolis (Foto: Divulgação)

Uma operação conjunta de fiscalização realizada pela Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipa) e Agência de Defesa Agropecuária do Estado de Roraima (Aderr) resultou na prisão de duas pessoas por prática de caça de animal silvestre. O fato ocorreu na vicinal 16 da Vila Nova Colina, localizada no município de Rorainópolis, na região Sul do Estado.

De acordo com o Comandante da Cipa, major Ademildo Magalhães, com os infratores foram encontrados animais silvestres abatidos, sendo três Porco do Mato, partes de um Gato Maracajá, além de uma espingarda calibre 20 e cinco munições.

“As pessoas flagranteadas foram autuados conforme preconiza a lei federal de Crimes Ambientais e encaminhados a Delegacia de Polícia Civil de Rorainópolis, onde foi realizado auto de prisão em flagrante delito, e após o pagamento da fiança responderão ao processo em liberdade” esclareceu o major.

A lei de crimes ambientais prevê pena pesadas para crimes de natureza ambiental, principalmente contra a fauna silvestre. Segundo a Cipa, a multa pode ser expedida após o fato e são aplicadas pela Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Femarh).

“Os infratores poderão cumprir seis meses a um ano de prisão e pagar multa que varia de R$ 500,00 a 5.000,00 por animal, com base na lista de animais em extinção, contida na normatizada da portaria do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) do Ministério do Meio Ambiente (Mma).

Ainda segundo o comandante da Cipa, serão intensificadas ações específicas naquela região para combater a caça ilegal, visto que tem aumentado o número de infrações desta natureza.

Com informações do Governo do Estado.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!