DURANTE O CARNAVAL
Polícia Militar afirma que população deve ficar alerta
Gostei (0) Não gostei (0)
Boavistense pode curtir o feriado de Carnaval sem transtorno seguindo medidas de segurança; Veja as dicas da PM
Por Erik Mota
Em 09/02/2018 às 16:10
O coronel da PMRR, Lindolfo Bessa, afirmou que o efetivo será reforçado durante o Carnaval (Foto: Nilzete Franco)

Muitos boavistenses aguardam ansiosos pelos dias de festa durante o Carnaval. No entanto, para se divertir de forma prazerosa e sem transtornos é necessário atenção e cuidados. Por conta disso, a Polícia Militar de Roraima (PMRR) recomendou algumas dicas de segurança para que os foliões evitem problemas.

Além disso, para dar mais segurança aos cidadãos, a PMRR atuará com efetivo reforçado em conjunto com a Guarda Municipal e o Detran.  “Iremos atuar com reforço em toda a Capital com as equipes do giro, a cavalaria, nossas viaturas da força tática. Também iremos trabalhar integrado com o Detran na realização de blitz a fim de combater a condução por embriaguez ao volante”, ressaltou o coronel Lindolfo Bessa.

Conforme explicou o coronel, o primeiro passo é estar atento antes de sair de casa, ou seja, verificar se as portas, janelas estão fechadas e se não apresentam facilidades para arrombamento, além disso, é recomendável que o proprietário do imóvel se certifique das luzes do ambiente. “O primeiro passo sempre começa no momento em que o cidadão vai sair de casa. Outra recomendação é verificar a possibilidade de algum vizinho, familiar, amigo resguardar a casa, vale frisar que isso serve para quem vai ficar fora por alguns dias”, reforçou.

Outra dica está baseada na chegada ao local da festa, quando deve-se ter o cuidado de não expor objetos de valor dentro de veículos ou enquanto portados pelos brincantes. “No momento em for estacionar o carro deve-se verificar se as portas estão travadas, vidros seguros e não deixar objetos que despertem a curiosidade da pessoa má intencionada. Outra recomendação é levar apenas o necessário e se levar celulares, carteiras, que sejam levados nos bolsos da frente e que apresentem segurança e que não chamem muita atenção”, recomendou.

Ao sair com crianças e adolescentes, os pais ou responsáveis devem mantê-los sempre à vista e identificá-los com algo no corpo.  Orientar e certifique-se que os menores saibam informações necessárias como nome e telefone para contato e um ponto de encontro no caso de se perderem, além disso, vale lembrar que a venda de bebidas alcoólicas e cigarros não é permitida a menores.

Evitar locais tumultuados que apresentam riscos também é necessário. Se for dirigir, não ingerir bebida alcoólica e se optar por beber, deixar o carro e utilizar de transporte alternativo e sempre estar atento no trânsito, tanto na ida quanto na volta para casa. Além disso, se for pegar estrada todos devem usar o cinto de segurança, respeitar o limite de velocidade, a sinalização, o policiamento e os outros motoristas.

“Por fim, em caso de emergência, procure um Policial Militar ou, dentro das possibilidades, ligue para o 190 ou dirija-se a uma delegacia mais próxima, sempre informando a natureza da situação e o local do fato. Estamos preparados, com aparato suficiente para manter a segurança da população”, finalizou o coronel. (E.M)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!