DADOS DA PMRR
Número de ocorrências envolvendo venezuelanos quintuplicou em 2017
Gostei (0) Não gostei (0)
Segundo dados da PMRR, 461 ocorrências envolvendo venezuelanos foram atendidas em 2016 e 1.714 em 2017.
Por Folha Web
Em 06/03/2018 às 10:44
Conforme o Coronel da Polícia Militar Lindolfo Bessa, a PM vêm sentindo forte impacto com crescimento de tais ocorrências. (Foto: Nilzete Franco)

1714 ocorrências envolvendo venezuelanos foram atendidas via número de telefone 190 em 2017. Um número cinco vezes maior do que foi registrado em 2016, com 461 casos. Os dados são da Polícia Militar de Roraima (PMRR).

Para o Coronel e Comandante do Policiamento da Capital Lindolfo de Holanda Bessa, o forte fluxo imigratório, que se agravou em 2017, fez o aumento de tais ocorrências ser inerente. Afinal, quanto maior a população em uma cidade, maiores são as possibilidades e riscos de crimes serem praticados.

“Observamos um aumento proporcional à  quantidade de pessoas que chegaram aqui passando pela fronteira. Então, se houver crescimento da imigração, consequentemente esse número tende a crescer”, observou o coronel.

Mesmo com crescimento tão expressivo, os números apresentados pelo órgão são considerados baixos quando comparados com o número  total de ocorrência no ano passado.

Dos números gerais (envolvendo brasileiros e estrangeiros), o Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) contabilizou, em 2016, 73.533 ligações e 75.927 chamados por meio do 190 em 2017.

Por outro lado, conforme explicou Lindolfo Bessa, a PM do Estado tem sentindo forte impacto com o crescimento das ocorrências envolvendo venezuelanos.

“O trabalho que é realizado durante o deslocamento as ocorrências é bem grande, mesmo que a maioria dos crimes praticados por imigrantes sejam de pequeno potencial”, destacou.

Para o venezuelano da Ciudad de Puerto Ordaz, C. F, de 29, que veio ao Brasil em busca de trabalho no ano de 2017 a fim de dar uma vida melhor a sua família que vive na Venezuela, a pobreza e fome não justificam a realização de roubos e furtos e espera que a situação de vida de todos os imigrantes vindos de seu país melhore tanto aqui como em seu país de origem.

Manuel disse: Em 06/03/2018 às 16:49:27

"O maduro disse que ia invadir o Brasil... Não é que ele disse uma verdade."