CRIMINALIDADE
Foragido da justiça é preso com arma de fogo em Rorainópolis
Gostei (6) Não gostei (3)
Foram encontrados, uma pistola calibre 380, 16 capsulas intactas de munição calibre 380
Por Folha Web
Em 25/09/2017 às 16:00
Foram encontrados, uma pistola calibre 380, 16 capsulas intactas de munição calibre 380 (Foto: Divulgação)

Três homens foram presos por porte ilegal de arma de fogo, na noite de domingo, dia 24, por volta das 20:00h, em um bar localizado na Avenida Brasil, bairro Andaraí, na cidade de Rorainópolis, região sul do estado.

De acordo com informações repassadas pela polícia Militar, que atendeu a ocorrência policial, o trio foi detido após uma ligação anônima.

Segundo o denunciante, após consumirem bebidas alcoólicas, os três homens passaram a agir de forma suspeita e um dos homens retirou do bolso uma munição e colocou em cima da mesa.

A PM informou que, ao chegar no local informado pelo denunciante, os homens tentaram fugir em uma pick-up Chevrolet S-10, de cor branca, mas antes que conseguissem se evadir do local foram detidos pela polícia.

Os policiais informaram também que, ao fazerem a abordagem dos suspeitos, houve resistência por parte dos mesmos, sendo assim necessário imobiliza-los para então conduzi-los a sede da delegacia de polícia civil (DP).

Conforme a PM,  foram encontrados, uma pistola calibre 380, 16 capsulas intactas de munição calibre 380, além de R$ 344,00 em dinheiro e um celular. Ao questionar sobre a arma, um dos homens, F.I, de 36 anos, afirmou ser sua a arma, e alegou que a usava pois faria parte de uma facção criminosa e por isso andava armado.

Diante do relato de um dos infratores, foi realizada uma rápida verificação com os nomes dos envolvidos e foi descoberto que dois dos infratores detidos na ação policial, são na verdade foragidos do presídio de São Luiz do Anauá, e vinham sendo procurados desde que fugiram no mês de Agosto deste ano.

O trio conduzido ao DP, foi ouvido, e de acordo com a autoridade policial no local, foi atestado que F.I, possui uma vasta ficha criminal e é considerado um sujeito de alta periculosidade. Os envolvidos na ocorrência deverão ser autuados pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, enquanto que, o foragido da justiça deverá ser encaminhado de volta à cadeia pública de São Luiz do Anauá, onde deverá continuar cumprindo a pena a que foi condenado. (J.R)

 

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!