AÇÃO POLICIAL
Dicap prende condenado por estupro no Cantá
Gostei (4) Não gostei (0)
Francimar Cadete, 36 anos, estava com prisão preventiva decretada desde 18 de dezembro de 2017
Por Folha Web
Em 17/01/2018 às 11:02
Familiares tentaram dificultar os trabalhos da Dicap, mas o órgão conseguiu êxito na prisão de Francimar Cadete (Foto: Divulgação/Dicap)

Agentes da Divisão de Inteligência e Captura (Dicap) da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), em conjunto com policiais militares do Município do Cantá, prenderam o início da manhã desta quarta-feira, 17, o foragido da justiça Francimar Cadete da Silva, de 36 anos.

Ele estava com prisão preventiva decretada desde o dia 18 de dezembro do ano passado por estupro de vulnerável, crime pelo qual foi condenado a 29 anos e 2 meses de prisão em regime fechado.

De acordo com a Dicap, Francimar Cadete foi localizado na casa de familiares na Vila Central. Durante a prisão, parentes tentaram dificultar o trabalho dos agentes, alegando que o homem não estava na residência, no entanto, as equipes o monitoraram um cerco que resultou em sua localização.

Após a prisão, o mesmo foi apresentado a delegada Eliane Gonçalves, responsável pelo Núcleo de Proteção a Criança e ao Adolescente (NPCA), para a adoção das medidas cabíveis. Ele foi encaminhado para a Cadeia Pública Masculina de Boa Vista (CPMBV).

DENÚNCIA - A Dicap ressalta ainda que a participação da população é indispensável para que os serviços do órgão tenham êxito. Para isso, disponibiliza os telefones para denúncia.

Que tiver conhecimento de paradeiro de foragidos da justiça, pode entrar em contato com a Dicap nos telefones 08002780130 ou 991399529 (WhatsApp), ou ainda por meio da  página no Facebook dicap.rr. A identidade será mantida no mais absoluto sigilo.

Divulgação/Dicap
Divulgação/Dicap
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!