CNH-E
CNH eletrônica estará disponível a partir de 1° de fevereiro de 2018
Gostei (4) Não gostei (0)
Por Folha Web
Em 01/08/2017 às 00:59
Presidente do Detran-RR, Titonho Beserra: “O motorista poderá optar entre ter a CNH impressa, eletrônica ou as duas” (Foto: Hione Nunes)

Aprovada recentemente pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), a Carteira Nacional de Habilitação em formato eletrônico (CNH-e) terá a mesma validade jurídica do documento impresso e estará disponível em todo o País a partir do dia 1º de fevereiro de 2018.

A CNH-e estará disponível em aplicativo para smartphones e será autenticado através de um QR-Code, código bidimensional que pode ser escaneado através da leitura de um celular. Leitores do código serão disponibilizados pelos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans) para os fiscais de trânsito. A versão impressa será oferecida de forma não obrigatória, dando liberdade de escolha para o motorista entre ter a CNH impressa, eletrônica ou as duas.

O diretor-presidente do Detran Roraima, Titonho Beserra, afirmou que a disponibilização da CNH eletrônica representa um passo importante para o Departamento Estadual rumo à modernização digital que o órgão vêm buscando.

Segundo Titonho, o Detran vêm trabalhando para disponibilizar formas de modernizar o seu atendimento. Algumas das formas implementadas até o momento são a identificação biométrica e a transferência digital de exames médicos para o Detran. “Nosso maior objetivo nesse processo é conseguir eliminar totalmente a necessidade do uso de papéis em todo o processo de renovação da CNH até dezembro de 2018”, afirmou.  

Para ter direito a carteira de habilitação eletrônica, será necessário possuir um certificado digital, que pode ser adquirido com o cadastro no portal do sistema de notificação eletrônica do Detran ou através do atendimento prestado no Detran. “Também estaremos trabalhando com as nossas empresas que prestam serviços de Tecnologia da Informação para que possam disponibilizar outras formas de cadastro para quem deseja possuir o certificado digital”, complementou. (P.B)

RIPA NA XULIPA disse: Em 01/08/2017 às 11:06:49

"Eu queria mesmo é que eliminasse essas altas taxas e não só os papéis, pois repassar os valores economizados aos motoristas que é bom NADA!"

BELSEN disse: Em 01/08/2017 às 09:12:30

"GOSTARIA DE SABER SE ESSE DISPOSITIVO ESTARÁ A DISPOSIÇÃO NO SITE DO DETRAN ATÉ A DATA CITADA?"

???? disse: Em 01/08/2017 às 08:22:08

"E se o celular tiver descarregado?"