PENITENCIÁRIA AGRÍCOLA
Adolescente é apreendida tentando entrar com celulares dentro de ventiladores
Gostei (1) Não gostei (0)
Agentes penitenciários encontraram mais de 20 celulares em fundos falsos de três ventiladores
Por João Barros
Em 02/12/2017 às 00:48
Os telefones estavam no fundo falso dos ventiladores, presos por uma espécie de gesso (Foto: Divulgação)

Por volta das 9 horas da manhã de ontem, 1º, agentes penitenciários e policiais militares que atuam no plantão da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (Pamc), localizada na zona rural de Boa Vista, impediram que pelo menos 20 celulares entrassem na unidade prisional. Os aparelhos estavam escondidos nos fundos falsos de três ventiladores. O material estava com uma adolescente.

O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Roraima (Sindape/RR), Lindomar Sobrinho, relatou como os agentes conseguiram evitar que os celulares chegassem até os detentos. “Os agentes penitenciários do Plantão da Penitenciária pegaram os três ventiladores com fundo falso durante a entrada de material que estavam sendo entregues pelos familiares. A pessoa foi conduzida ao DP para os procedimentos legais. Os agentes conseguiram impedir a entrada de dezenas de celulares”, ressaltou Lindomar Sobrinho.

Além dos aparelhos telefônicos, havia também carregadores, fones de ouvido e chips de operadoras de telefonia móvel. Um vídeo mostra o exato momento em que os ventiladores são destruídos e os celulares são retirados de dentro da estrutura do ventilador. Os telefones estavam revestidos com uma película plástica e presos em uma espécie de gesso.

Todo o material apreendido seria entregue para dois detentos, inclusive os nomes deles estavam destacados nos celulares. Eles foram identificados como Robson Oliveira Dias, que está preso na Ala 9, e o outro que também receberia parte dos produtos seria Wesley Silca Reis, que está na Ala 13. Eles sofrerão sanções por meio da Lei de Execuções Penais (LEP).

A menor foi encaminhada para uma sala especial e, após os questionamentos, foi levada para a Delegacia, a fim de que a autoridade policial decida que medidas tomar em relação ao caso. Os telefones também foram entregues à Polícia Civil e serão periciados.

SEJUC – A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) informou que será anotada, na ficha dos destinatários dos celulares, uma transgressão disciplinar e os celulares serão cadastrados para o controle da Divisão de Inteligência e Captura (Dicap). (J.B)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!