MISSÃO USHUAIA
Ação humanitária entrega cartas de estudantes da Bahia para venezuelanos
Gostei (0) Não gostei (0)
Objetivo é prestar apoio aos imigrantes que estão em abrigos e ruas da Capital e interior
Por Folha Web
Em 24/05/2018 às 23:00
Missão Ushuaia, Venezuela (Foto: Arlen Cezar)

Os jornalistas Dado Galvão e Arlen Cezar iniciaram essa semana as atividades da Missão Ushuaia em Roraima.

O objetivo da ação independente é promover uma ação humanitária de apoio aos venezuelanos que estão nos abrigos e nas ruas de Boa Vista e de Pacaraima, municípios com maior concentração de imigrantes que fogem da crise do país vizinho.

Autoridades locais e organizações não governamentais estão sendo visitadas pela missão. Uma das propostas é encaminhar o máximo de depoimentos de venezuelanos para os parlamentares que compõem o Parlasul como forma de resolver a problemática .

Tudo será documentado em audiovisual e fotografia para construção de um documentário.

Os jornalistas estiveram na Casa Brasil-Venezuela que tem o apoio da igreja Batista de Roraima. Foram entregues cartas escritas por estudantes do Colégio Estadual Luís Eduardo Magalhães do município de Jequié, no sudoeste do estado da Bahia. A venezuelana Carolina Arenas está há cinco meses em Boa Vista e disse que ao ler o material com mensagens de amor e coragem, o dia ficou melhor .

“Me senti mais forte diante do que estamos passando , longe de nossas famílias que estão na Venezuela há uma vazio em nós, se não fosse o governo Maduro, estaríamos em nosso país e em paz”, contou Carolina.

Ainda essa semana os jornalistas passaram pelo abrigo da Fraternidade sem Fronteiras com apoio da Missão do Exército em Roraima, e na praça do garimpeiro foi realizado um varal com cartas para os imigrantes lerem as mensagens de apoio.

“Os venezuelanos pegam as cartas e após leitura, pedimos que escrevam o que eles tem enfrentado devido a crise migratória, pois queremos entregar todo esse material colhido para os parlamentares do Parlasul nós acreditamos que assim poderemos buscar mais aletrnativas para resolver essa grave crise do país vizinho”, ressaltou Dado Galvão.

Os realizadores da Missão Ushuaia, estiveram nesta quinta feira na ocupação Abrigo Criança Feliz , prédio abandonado pelo governo há quinze anos e que hoje residem cento e oitenta refugiados. O nome do local é devido ao grande número de crianças no espaço, são mais de cinquenta meninos e meninas.

A Missão Ushuaia, terá atividades em Pacaraima e Boa Vista. Galvão e Arlen estarão em Roraima até o dia 28, e todas as ações estão sendo registradas em audiovisual e fotografia para construção de um documentário.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
Raul Gonzalez disse: Em 25/05/2018 às 07:23:37

"RVR1960 Salmos 140:12 Yo sé que Jehová tomará a su cargo la causa del afligido, Y el derecho de los necesitados."