AVENIDA BRASIL
Motoristas pedem substituição de rotatória por semáforo
Gostei (104) Não gostei (17)
Por Minervaldo Lopes
Em 28/12/2017 às 01:38
Rotatória nas avenidas Brasil e Centenário fica congestionada em horários de pico (Foto: Hione Nunes)

Trafegar pela Avenida Brasil, considerada uma das principais vias de acesso para a área central da cidade, tem se tornado um desafio cada vez maior para muitos moradores dos bairros da zona Oeste, como Centenário, Cinturão Verde e Jóquei Clube. Mesmo estando no período de férias escolares, o cruzamento com a Avenida Centenário costuma apresentar uma considerável movimentação de carros e motos, ficando ainda pior em horários de pico.

Morador do bairro Centenário desde 2001, o servidor público Alexandre Pereira, 40 anos, sabe muito bem da trabalheira que é tentar chegar ao serviço no horário certo. “Tem vezes que eu demoro 20 minutos para sair daquele ponto, tamanha a quantidade de veículos que circulam pela região. Antes a situação era tranquila, mas de uns dois anos para cá a situação só vem piorando”, relatou.

À Folha, ele avaliou o atual modelo para a circulação de veículos no trecho - a rotatória - como ultrapassado para a demanda existente na Capital. “Das 7h até 8h15, por exemplo, o fluxo de carros é tão grande que a gente não consegue chegar ao trabalho no horário, e isso porque estamos no período de férias escolares. Agora, imagina isso no período de estudo das crianças. Só para você ter uma ideia, tem dias que o congestionamento chega à altura da Escola Carlo Casadio. Então, é preciso que se pense outra maneira de desafogar aquela área”, frisou.

Outro condutor de veículos a favor da substituição da rotatória por um semáforo é o eletricista Nonato Olivares, de 51 anos. Segundo ele, à medida que o número de veículos cresceu, a Prefeitura de Boa Vista acabou não se atendo a necessidade de trabalhar rotas alternativas para aquela região. “Eu percebo que a Prefeitura se preocupou apenas com os trechos mais próximos da área central e se esqueceu que perímetros como o bairro Centenário também apresentam movimentação maior ou até igual que o de lá”, complementou.

PREFEITURA – A Folha entrou em contato com a Prefeitura de Boa Vista para saber que medidas poderiam ser adotadas para resolver o problema do grande fluxo de veículos no cruzamento das avenidas Brasil e Centenário, no entanto, até o fechamento da matéria, às 18 horas, não obteve retorno. (M.L)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!