Boa Vista Quinta-feira, 31 de julho de 2014
Links e Serviços
Colunas
Serviços
WebMail
 





Compartilhar


    06/06/2014 00h46

Anchieta afirma que acordos do grupo serão mantidos


   


Foto:  Rodrigo Sales

Anchieta Júnior disse que deixou o governo com a convicção de que seria único candidato ao Senado do grupo

ÉLISSAN PAULA RODRIGUES
Editoria de Política
elissanpaula@gmail.com

O ex-governador Anchieta Júnior (PSDB) afirmou, em entrevista exclusiva concedida à Folha, no início da tarde de ontem, que todos os acordos políticos do seu grupo serão mantidos. Ele se refere à informação, publicada pela Folha, de que o deputado Luciano Castro (PR) também decidiu ser candidato ao Senado Federal.

“Na matéria, diz que pessoas ligadas ao deputado confirmaram, como não foi dito por ele, não tenho nada a declarar. O deputado Luciano faz parte do grupo, está conosco há seis anos, estivemos juntos nas eleições em 2006, quando ele apoiou Ottomar Pinto e Anchieta para vice. Fui o grande apoiador dele naquela campanha difícil de 2008 para prefeito, fomos parceiros em 2010, estivemos juntos em 2012 e tínhamos acordos agora para 2014. Se ele tomar alguma decisão, vai nos procurar”, declarou o ex-governador.

Ele ressaltou ter deixado o cargo em abril passado exatamente por conta desses acordos, que o mantinha como candidato único do grupo ao cargo. “É lógico. Não abri mão de nove meses de governo para tentar ser candidato do grupo. Eu me desincompatibilizei no dia 4 de abril com a convicção de que seria o candidato único do grupo. Se faz política com pessoas sérias e com acordos que devem ser cumpridos, quando são postos na mesa”, emendou.

Durante a entrevista, Anchieta citou políticos que teriam participado ativamente desse acordo, como o próprio governador Chico Rodrigues (PSB) e o senador Romero Jucá (PMDB). “Combinei com o Chico como combinei com Romero Jucá, que vai indicar o vice, e com o apoio da grande maioria dos deputados e de vários prefeitos. Agora, há liberdade. Qualquer um pode ser candidato a senador. Ele [Luciano] é um parlamentar que tem seu direito, não vou discutir isso”, declarou.

Anchieta negou qualquer tipo de crise entre sua aliança política, manifestada pela oficialização de um racha na bancada governista na Assembleia Legislativa, com a criação do G7 e G12. “Esses grupos são comuns no parlamento. Não é um privilégio da Assembleia Legislativa de Roraima. Tínhamos 15 deputados na base, já existiam dois grupos, que se unem por afinidades e não quer dizer com isso que os dois não sejam a base do governo. Convivi com isso no último ano do meu governo”, disse ressaltando que espera contar com o apoio desses deputados. “Se não integralmente, da grande maioria. São amigos, parceiros e convivemos ao longo do tempo”, comentou.

Ele teria se reunido com deputados dos dois grupos na quarta-feira, dia 4, na tentativa de manter a unidade entre os aliados. “Podem divergir, isso faz parte de um grupo de pessoas com visões às vezes diferentes, mas nos dois grupos senti a intenção da candidatura majoritária permanecer. Não vejo dissidência”, afirmou.

Anchieta também negou um suposto afastamento, como vem sendo comentado nos bastidores da política, do governador Chico Rodrigues. “Não há afastamento nenhum. Nós nos falamos com frequência. Só que eu entendo que nesse momento ele tem pouco tempo para mostrar seu estilo. Estamos a 30 dias de uma convenção e 120 de uma eleição. O fato de eu não estar todo dia nem poderia ser assim. Tenho que dar liberdade para ele governar. Ele é o governador, mas o respeito e a amizade estão mantidos”, frisou.

 

Atenção! Lembre-se que os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal


COMENTÁRIOS
Nome:   
3531-JOSE ROQUE FARIAS                          Data: 21:00:09 - 07/06/2014
Diz a lenda que um jovem esbanjava toda a fortuna que herdou do pai até que um dia caiu em miséria total. Seu dinheiro foi embora levianamente, levando consigo seus "amigos". Desorientado, ele resolveu procurar o sábio da cidade e indagou: "Senhor, o que mais vai me acontecer, se já perdi dinheiro e amigos?". O mestre não teve dúvida na resposta: "Não temas rapaz. Posso-lhe garantir que tudo vai acabar bem". O homem abriu um largo sorriso e bradou: "Quer dizer que serei rico novamente?". O sábio balançou a cabeça negativamente... Todo homem com dinheiro tem amigos com fartura. Quando este se acabar ninguém mais o procura.


COMENTÁRIOS
Nome:   
9494-francisco da conceiçao araujo                          Data: 21:16:45 - 06/06/2014
acordos com o nosso dinheiro


COMENTÁRIOS
Nome:   
1035-Raimundo R. Ferraz                          Data: 18:58:08 - 06/06/2014
Ta brincando, Acordo que acordo? Vcs ja viram politicos fazerem acordos e cumprirem? então chupa esse abacaxi que é de Jaca.


COMENTÁRIOS
Nome:   
9165-Fernandão                          Data: 17:34:34 - 06/06/2014
Chico Rodrigues já desmascarou o Anchieta e cabe a população julgá-lo nas urnas. Um Governos baseado em mentiras, ou seja, a verdade venho a tona.Saúde, educação e segurança jogada as traças.


COMENTÁRIOS
Nome:   
9245-tadeu pinto                          Data: 17:12:29 - 06/06/2014
Esse sujeito nunca honrou compromisso com ninguém ...Vai colher o que plantou! kkkkkkkkkkkk


COMENTÁRIOS
Nome:   
8697-Fábio Rogério Vieira de Oliveira                          Data: 16:36:08 - 06/06/2014
"Quando injusto governa, o povo geme, mas quando o justo governa o povo se alegra" Pv de Salomão. O povo que escolhe quem vai governa, é o povo que também prática a corrupção em troca de dinheiro e favores. Mas quando os politicos corruptos disviam a verbas públicas, não adiante sair na rua com protestos. Se o povo não voltar para os principios da moralidade teremos uma nação destruida.


COMENTÁRIOS
Nome:   
17903-ADAILTON SILVA OLIVEIRA                          Data: 15:45:57 - 06/06/2014
É só decretar estado de emergência no grupo da base política do Anchieta que tá tudo resolvido.


COMENTÁRIOS
Nome:   
15556-sergio viana                          Data: 14:16:42 - 06/06/2014
Só esqueceu de combinar com a população de RORAIMA.Cada mercadoria que aparece no estado.


COMENTÁRIOS
Nome:   
34-rildo                          Data: 12:17:20 - 06/06/2014
É, política é tudo política, por isso não acredito em oposição! São tudo farinha do mesmo saco, acredito que ainda fingem que existe oposição p/ não ficar na cara os favores!....mudando de assunto......Esses dias saiu uma matéria onde uma senadora questionava a demora na solução dos problemas na saúde publica, houve vários comentários sobre tal tema, porem questionavam a própria demora dela em enxergar esse problema, claro que isso so ocorreu por um motivo que todos sabemos. ELEIÇÕES. So que já não bastasse, sempre aparece um defensor leal dos anjinhos que são os políticos, e questionou a atitude daqueles que fizeram tais comentários, alegando que a nobre senadora estava certa em reclamar sobre a demora na solução. Então! O problema é que nessas horas esses defensores esquecem o que é interpretação de texto! Ou se faz de doidos em entender o questionamento do povo!


COMENTÁRIOS
Nome:   
3531-JOSE ROQUE FARIAS                          Data: 10:44:13 - 06/06/2014
Definições e frases em tempo de campanha, antigas, mas bem atuais. par.ti.do: QUE SE PARTIU CONJUNTO de pessoas que seguem as mesmas ideias, especialmente em política; Com as eleições de domingo, os partidos estão em polvorosa. LADO, POSIÇÃO Na questão da independência do Quebec eu não sei que partido tomar. PROVEITO, VANTAGEM Você tirou partido de mim, abusou. (Antônio Carlos e Jocafi) PESSOA com bons prospectos para casamento O novo-rico virou do dia para noite um partidão. Sinônimo De: FACÇÃO Tradução De 1 (conjunto de pessoas que seguem as mesmas ideias, especialmente em POLÍTICA) De 2 (política parte de um todo. Partido político. PT, PMD, PST, e todos os PARTIDOS.) Frases do limiar do desespero: O ex-governador Anchieta Júnior (PSDB) afirmou: “... que todos os acordos políticos do seu grupo serão mantidos.” (Certamente serão mantidos, mas com os que permanecerem nas cadeiras. Quem não conseguir sua cadeira há de se ver com a JUSTIÇA). “Se faz política com pessoas sérias e ... (Política com pessoas sérias? Ah, fala sério). “... com ACORDOS que devem ser cumpridos ...” (Acordo de boca?) Anchieta citou ..., “Combinei com o Chico como combinei com Romero Jucá ..., (e o que obriga eles a cumprirem o combinado?) Esses GRUPOS são comuns no parlamento ... , (A única verdade) ...já existiam dois grupos, que se unem por AFINIDADES ..., (Afinidades entre os grupos, só se for em relação ao butim) ... disse ressaltando que espera contar com o apoio desses DEPUTADOS. (Apoio? Bem, se ele [Anchieta pagou as faturas das empresas dos amigos] é possível, mas se estiverem descontentes ... “Se não integralmente, da GRANDE MAIORIA. São amigos, PARCEIROS e convivemos ao longo do tempo”, comentou. (Sei, grande maioria? Só na cabeça dele. Maioria é povo cansado de ser gado). “Ele é o governador, mas o RESPEITO e a AMIZADE estão mantidos”, frisou. (Nunca soube que entre pessoas dessa estirpe há respeito e amizade).
.: Publicidades :.

















 
 
Copyrigth © 2008 - Folha de Boa Vista - Todos os Direitos Reservados