Boa Vista Segunda-feira, 01 de setembro de 2014
Links e Serviços
Colunas
Serviços
WebMail
 





Compartilhar


    14/09/2012 23h54

Moradores criticam abandono de praças


   


Foto:  Raynere Ferreira

Os moradores reclamam da falta de iluminação e da
AMILCAR JÚNIOR

A reclamação é parecida. Moradores dos bairros São Francisco e Aparecida, na zona Norte da Capital, reclamam principalmente da falta de iluminação pública e do abandono das praças. Eles também reivindicam lixeiras públicas e mais policiais nas ruas.

O estudante Anderson Farias, 18 anos, morador da rua João Pereira Caldas, no Aparecida, lamenta que a principal praça do bairro está abandonada, tomada pelo mato, sem iluminação pública e o pior, frequentada por usuários de drogas e membros de gangue.

“À noite é perigoso. As crianças não podem mais passear ou brincar na praça. Tem muito galeroso e viciado. A polícia passa de vez em quando, mas o problema continua”, lamentou.

Antes muito movimentada devido a venda de comida, hoje a praça do Aparecida tem uma outra agitação, com a venda de drogas. “Isso aqui virou uma grande boca de fumo. Eles usam aí mesmo. A escuridão facilita para o lado deles, que atacam quem passa depois das 22h”, comentou outro morador do bairro, que preferiu não se identificar.

Inúmeros casos de ataque de galeras já foram registrados no local. A vizinhança da praça cobra uma atitude mais enérgica das autoridades policiais. “Não podemos mais nem sentar na porta de casa à noite. Os galerosos e noiados atacam e usam droga na nossa frente. Cadê a PM?”, questionou Armando Soares, 69 anos, aposentado.

No bairro São Francisco, moradores vizinhos à praça dos Bambus, entre a rua 9 de Julho e avenida Santos Dumont, não reclamam da ação de bandidos ou viciados, mas cobram iluminação e lixeira públicas no local. A reportagem constatou que não há onde colocar lixo na praça e a maioria das lâmpadas estão quebradas.

“Aqui, graças a Deus, não tem bandidagem. Mas a praça é escura porque as lâmpadas estão queimadas. Até os refletores não funcionam, o que implica na prática de esportes no local. Também queremos um local adequado para jogar o lixo. Aqui não tem”, reivindicou o comerciante Maike Anderson, 19 anos, que trabalha há nove anos em um restaurante no meio da praça.

Outro problema detectado pela reportagem é a precariedade do local. Os playgrounds e as barras para prática esportiva nas duas praças estão danificados, o que pode ocasionar acidentes. “Meu neto já se cortou brincando nesta praça. Seria muito bom se o próximo prefeito consertasse a pracinha”, comentou o aposentado Mário Lúcio, 59 anos.

OUTRO LADO – Em nota, a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Boa Vista informou que o Departamento de Iluminação Pública da Secretaria Municipal de Obras e Urbanismo (SMOU) realizou este ano a substituição de todas as luminárias antigas dos bairros São Francisco e Aparecida por equipamentos mais eficientes. O trabalho faz parte das ações do Município de eficientização da iluminação para proporcionar mais segurança e confortos aos moradores.

A Operação Cidade Limpa, também da SMOU, atendeu ao bairro São Francisco quatro vezes este ano. Nos meses de janeiro, abril, maio e agosto as equipes realizaram o trabalho de capina e limpeza. Já no bairro Aparecida, os trabalhos da operação foram realizados este ano nos meses de fevereiro, maio, julho e agosto.

Pelo cronograma, as equipes devem retornar ao bairro de 60 a 90 dias, nesse caso, todas as visitas ao bairro Aparecida e ao São Francisco estão dentro do prazo estabelecido para retorno. Além da coleta de entulhos e galhadas, também é realizada a varrição das ruas e limpeza dos canais de escoamento, evitando que o lixo fique acumulado e diminuindo os pontos de alagamento da cidade.

Os moradores devem contribuir com o serviço limpando os quintais e colocando em frente das casas o material para ser recolhido pelas equipes. Quem depositar entulhos ou galhadas na rua após a passagem das equipes será notificado e pode ser multado. Os valores das penalidades variam de 153,00 a 318,00 e, em alguns casos, a pessoa poderá ser cumprindo pena de um a três anos. O lixo jogado nas ruas entope os bueiros e pode causar muitos problemas, além de aumentar os riscos de doenças.


Confira as propostas dos candidatos para os bairros


Atenção! Lembre-se que os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal


.: Publicidades :.

















 
 
Copyrigth © 2008 - Folha de Boa Vista - Todos os Direitos Reservados