Boa Vista Quinta-feira, 31 de julho de 2014
Links e Serviços
Colunas
Serviços
WebMail
 





Compartilhar


    27/04/2011 14h16

Instituto promove cursinho preparatório para vestibular indígena


   


Foto:  

Ao todo 18 indígenas das etnias Yanomami e Ye’kuana se preparam para o vestibular do Núcleo Insikiran
Ao todo 18 indígenas das etnias Yanomami e Ye’kuana se preparam para o vestibular do Núcleo Insikiran e para o PSEI (Processo Seletivo Específico Indígena) da UFRR (Universidade Federal de Roraima), que será realizado no próximo dia 1º de maio em Boa Vista. As aulas começaram na quarta-feira, dia 20 de abril, e seguem até o fim deste mês, na Associação Hutukara, no bairro São Pedro. 


Os indígenas são professores nas comunidades em que moram e se inscreveram para diferentes cursos.  A maioria deles para os cursos de Licenciatura Intercultural e Gestão Territorial. É o caso de Alfredo Himotona Yanomami, da maloca Papiú, que irá fazer as provas para o curso de Licenciatura Intercultural. Ele é formado pelo Magistério Yarapiari e dá aulas há oito anos. “Quero me capacitar para continuar dando aula na minha comunidade”, comentou.

 
As provas para o Núcleo Insikiran serão realizadas na manhã do dia 1º de maio. Quem se inscreveu para o curso de Licenciatura vai poder fazer a prova de Redação na língua materna. No dia 03 de maio será realizada a prova oral. 


Os candidatos que se inscreveram no PSEI vão precisar fazer a prova de Redação em Português.  Anselmo Xiropino Yanomami é um deles. Ele é professor há nove anos na região do Demini e também é formado pelo Yarapiari.  É a segunda vez que tenta o vestibular para Direito. 

“Farei quantas vezes for preciso porque meu sonho é ser advogado para defender meu povo. Quero conhecer melhor as leis do nosso país, principalmente a Constituição Federal, para poder dialogar melhor com as autoridades”, afirma, dizendo que se será o primeiro yanomami a fazer Direito no país.


O curso é organizado pelo Programa de Educação Yanomami do ISA (Instituto Socioambiental), com a cooperação da UFRR. O assessor do Programa, Márcio P. Volk, que também dá aulas de Redação para os indígenas diz que o curso é o início de um novo ciclo para aqueles que já passaram pelo Magistério Yarapiari e agora têm a oportunidade de entrar na universidade. 

.: Publicidades :.

















 
 
Copyrigth © 2008 - Folha de Boa Vista - Todos os Direitos Reservados