Por Folha Web
Em 02/02/2018

 ESPAÇO DO LEITOR 

ENTRAVES I
O leitor Adnil Barros Cavalcante comentou a notícia ‘Governadora receberá ministros para tratar de Segurança Pública’. “Governadora, além da Segurança Pública e imigração em nossas fronteiras, temos que aproveitar e relembrar aos ministros e assessores de problemas antigos que precisam ser urgentemente resolvidos no Estado, tais como: o assentimento prévio do Conselho de Defesa Nacional (CDN) para que o Iteraima emita os títulos de propriedade aos produtores rurais que possuem posses a menos de 150 km das fronteiras com a Venezuela e Guiana. Enquanto não ocorrer tal providência, o Iteraima não poderá emitir títulos de propriedade, porém apenas a Autorização de Ocupação (AO), que não permite que os bancos concedam operações de investimentos aos produtores impedindo o desenvolvimento do Estado”, lembrou.

ENTRAVES II
E continua: “Temos que aproveitar e falar sobre a retomada da construção do Linhão de Tucuruí que foi prometida em 2017 pelo presidente Temer aos parlamentares em Brasília e até o presente momento nada foi feito. Muda a presidência da Funai e nada avança na negociação com os indígenas. Por ventura se estes dois itens forem também equacionados, certamente, teremos mais ocupação, emprego e renda à população do Estado e, por tabela, aos imigrantes da Venezuela”.

COMUNISTAS
Já sobre a reportagem ‘PCB lança pré-candidaturas ao Governo e Senado’, o leitor Gideão C. Souza comentou: “Os indígenas que tanto defendem suas terras ingressam num partido comunista que tem como filosofia a divisão das propriedades para o bem coletivo. Então eu pergunto: vocês indígenas estão preparados para dividir suas terras demarcadas com os sem terras? Estão preparados para abrir mão de direitos conquistados em prol de um partido que só maltratou seu povo? Como exemplo na Venezuela, Bolívia, Cuba etc. Acorda em quanto é tempo”.

Folha Web
fale@folhabv.com.br
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!