Por Moara Albuquerque
Em 04/12/2017

Olá, Leitor! Aqui, na Decore+BV, você vai encontrar dicas e soluções de arquitetura, decoração e design que você possa aplicar no seu dia-a-dia, fornecidas pela arquiteta Moara Albuquerque. Aproveite!

Somos a OpenDoor Arquitetura, uma empresa voltada para criação de projetos comerciais e clínicos, criada com o intuito de promover a marca de nossos clientes com inovação e qualidade.

A BELEZA POR TRÁS DAS ESCADAS

As escadas servem para ligar locais de alturas diferentes, porém, com um olharde arquiteto, esse elemento estrutural pode virar uma verdadeira obra de arte!

Entender como funcionam as escadas é o primeiro passo - elas devem ser calculadas na fase de projeto e considerar diversos elementos, como: altura a vencer, tamanho da passada, e número de degraus, necessidade ou não de patamares, formato da escada e o material utilizado.

Ao falarmos de escadas devemos falar também de segurança. Degraus de diferentes alturas, estreitos demais e com pisos escorregadios podem provocaracidentes.

Dica: Uma escada perfeita e segura tem a mesma altura em todos os degraus.

Degraus maiores ou menores que os demais quebram o "ritmo" da passada humana, e é um grande causador de acidentes. Nosso cérebro se acostuma com a altura dos primeiros degraus e se programa para os próximos. Uma altura confortável para degrau é entre 16,5 cm e 18 cm.

Linda escada em madeira. Porém, faltou a segurança de um corrimão e guarda-corpo, um item muito importante na segurança das escadas. Ele é um elemento que possui uma presença impactante no aspecto estético e deve ser considerado juntamente com a forma da escada.

Exemplo de uma escada reta. Neste caso ela ainda é suspensa, está engastada na parede e parece flutuar. Os cabos de aço dão a proteção contra quedas etrazem charme ao visual.

Na imagem, o espaço liberado abaixo da escada ganhou um jardim. O primeiro degrau foi prolongado para o lado e virou um banco. O guarda-corpo de vidro deu leveza e modernidade à escada.

Escada helicoidal é aquela em que os degraus estão distribuídos em volta de um círculo. Elas cabem em espaços diminutos, porém são pouco confortáveis de utilizar. Quanto maior o raio do círculo, melhor e mais confortável é a sua utilização.

Escadas curvas são as escadas que trabalham com arcos - elas possuem curvas, mas sem um eixo central como as helicoidais. Exemplo clássico é a do Palácio do Itamaraty (imagem acima).

Escada Santos Dumont - uma escada reta com inclinação bastante acentuada. Essas escadas possuem recortes nos degraus, de maneira que, ao subir, o pé não bata no degrau anterior. É uma alternativa em ambientes muito pequenos, porém desconfortável. Nas imagens, temos a escada Santos Dumont tradicional e suas releituras com formas diferentes, mas sempre com um recorte em cada degrau.

 Gostaram das dicas?  

Mande seus comentários e suas dúvidas para o e-mail contato@opendoor.arq.br, com o título DECORE+BV. A sua dúvida ou sugestão pode ser o tema do próximo artigo da nossa coluna!Abraços e até a próxima semana!

Moara Albuquerque
contato@opendoor.arq.br
Moara Albuquerque é arquiteta da OpenDoor Arquitetura, uma empresa voltada para a criação de projetos comerciais e clínicos.
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Decore+BV
+ Ler mais artigos de Decore+BV