Por Folha Web
Em 16/10/2017

 ESPAÇO DO LEITOR 

POLÍTICA
Para o leitor Rildo Lopes, “o Brasil é uma grande piada”. “Treinador é demitido porque o time não ganha, mas quem faz o gol não é o treinador. Políticos corruptos em prisão domiciliar em suas mansões construídas com o dinheiro da corrupção, enquanto o povo paga a conta. Agora milhões de gritos contra a pedofilia, sendo contrariado por uma tal de arte moderna. O Brasil é uma grande piada”, disse.

CASO AÉCIO
Sobre o voto dos senadores de Roraima quanto a deliberação das medidas cautelares e o afastamento impostos ao senador Aécio Neves (PSDB-MG) pela Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), leitor identificado como ‘Justiça, doa em quem doer’ comentou: “Temos um senador que representa o povão, mas que pelo argumento está defendendo o corporativismo com papinho de sem respaldo na Constituição. Outro senador que faz o bem, faz bem para o corrupto cara de madeira. Não esqueçam que o povo não está tão besta como antes. Ações que acobertam corruptos, quem está do lado do errado, tirando onda de bonzinho não será esquecido. Fora corrupto, crime organizado de instituições”.

CRIMES
Comentando um caso de tentativa de homicídio registrada no mês passado, a leitora Maria do Socorro Souza Cordeiro opinou: “Cada pessoa tem uma identificação, seu Registro Civil, o que define que cada um responde por si, toma suas próprias atitudes, tem seus próprios gostos. Estamos permitidos, por Deus, viver esta vida. Qualquer outro ser, que não seja Deus, não tem obrigatoriedade de definir quando alguém deve partir desta vida. A agressora é criminosa a partir desse feito consumado. Em se tratando de pessoas, todas que têm temperamento e valores iguais caminham juntas pelo resto da vida. Mas as [pessoas] com temperamento e valores diferentes têm relacionamento que não se perpetuam. Não deu certo? Teve disparidades? É melhor cada um ir para seu lado”.

Folha Web
fale@folhabv.com.br
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!